Xiaomi: vendeu 1 milhão de peças em 2 dias na Índia

Xiaomi-Redmi-Note-4-hands-on-Techblog-1

A Xiaomi vendeu mais de 1 milhão de smartphones em 48 horas na Índia entre 20 e 22 de setembro, de acordo com um anúncio.

A empresa chinesa disse que, com base em dados da Amazon India e Flipcart, entre 20 e 22 de setembro, vendeu 300 smartphones por minuto.

De acordo com a Xiaomi, o aumento é impressionante, pois levou 18 dias no ano passado para ultrapassar 1 milhão de smartphones.O smartphone com mais vendas no Flipcart foi o Xiaomi Redmi Note 4.

A versão do Redmi Note 4 com 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento está disponível por 129 euros, enquanto a versão com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento custa 141 euros. (Os preços foram convertidos por rúpias indianas).

Além disso, a versão Redmi 4A com 4 GB de RAM e 32 GB de armazenamento custa 91 euros na Flipkart. O Xiaomi Redmi 4 com 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento está disponível por 122 euros.

O Xiaomi Mi Max 2 com 4 GB de RAM e 32 GB de armazenamento está disponível por 167 euros. A versão de 64 GB custa 193 euros na Índia.

Raghu Reddy, chefe da Xiaomi Índia, disse: “Estamos muito orgulhosos de compartilhar esse marco com nossos fãs, parceiros e funcionários.

Mais de seis meses de design rigoroso e trabalho duro nos ajudaram a estabelecer um novo marco na indústria e na Xiaomi. No ano passado, vendemos mais de 1 milhão de smartphones em 18 dias e, neste ano, conseguimos um resultado semelhante em 48 horas. “Até onde sabemos, nenhuma empresa na Índia fez isso.”