Violação de dados de clientes no Instituto Sinclair

Compressor do Instituto Sinclair Incidentes de violação de dados não são Raramente, cada vez mais sites, de vários setores comerciais, são alvo de criminosos cibernéticos que procuram detalhes do cartão de crédito.Recentemente, o Sinclair Institute informou alguns de seus clientes de um acesso não autorizado a seus sistemas, que dava acesso a informações de pagamento. .

Depois de aprender sobre o incidente da empresa que hospeda seu site, a empresa começou a implementar medidas de proteção adicionais que impedirão a recorrência de um incidente semelhante.

O ataque parece ter durado quase todo o mês de agosto, quando começou em 3 de agosto e terminou em 28 de agosto.

O método usado pelos autores para distribuir o malware não foi divulgado, mas a empresa informa que seus administradores foram capazes de remover os arquivos maliciosos do sistema.

Em termos de acesso ilegal aos dados, incluem credenciais, nomes e endereços da conta, aniversários, números de telefone, endereços de e-mail e detalhes do cartão de crédito que consistem no número, data de validade e CVV ( numero de verificação do cartão).

Em uma carta aos clientes afetados, a empresa não divulgou o número de pessoas afetadas pelo incidente. Na Califórnia, o procurador-geral deve receber uma cópia descrevendo o incidente se mais de 500 pessoas forem afetadas.

O Instituto Sinclair foi fundado em 1991 e distribui produtos de saúde sexual para adultos, além de vídeos educativos sobre relacionamentos.

A empresa também se comprometeu a patrocinar mais de um terço de seus lucros em um programa de prevenção de HIV / AIDS na África, Ásia e América Latina.