VĂ­cio em Internet, livro de M. Sfakianakis

image.ashx Um livro” escrito com dor na alma “,” destilado “de seus milhares de açÔes Sub-Diretoria de Processamento de Crimes CibernĂ©ticos em sua luta contra o cibercrime, Ă© o trabalho de seu diretor, Manoli Sfakianaki, com o tĂ­tulo “DependĂȘncia da Internet e outros comportamentos on-line de alto risco»(PublicaçÔes libanesas).

“Algumas pessoas nĂŁo querem entender que o crime mudou de tradicional para eletrĂŽnico. Chegamos ao ponto de gerenciar vidas humanas. O fardo que temos que levantar Ă© pesado “,<
>

Manolis Sfakianakis comentou durante a apresentação de seu livro hoje à noite no Museu Histórico Nacional.

«O livro foi escrito com dor na alma, Ă© um destilado das milhares de açÔes que fazemos “ Ele acrescentou que, na GrĂ©cia, a legislação ainda estĂĄ engatinhando, apĂłs o cibercrime.

O Sr. Sfakianakis nĂŁo deixou de enfatizar, no entanto, a importĂąncia da Internet, pois “Ă© uma via de mĂŁo Ășnica no progresso do homem e de nossa cultura”, mas deve haver conhecimento das regras de seu uso.

Um guia prĂĄtico para os comportamentos patolĂłgicos que estĂŁo se desenvolvendo na Internet (pornografia infantil, cibercrime, trĂĄfico de drogas, pirataria de software, violação de dados pessoais, cyberbullying, dependĂȘncia e anorexia psicogĂȘnica na Internet), mas tambĂ©m como os pais protegem seus filhos dos efeitos negativos “VĂ­cio em internet”.

A publicação Ă© co-assinada com Manolis Sfakianakis e o presidente da Sociedade HelĂȘnica para o Estudo do Transtorno de DependĂȘncia da Internet, Constantinos Siomos e o psiquiatra George Floros.

“A novidade do livro Ă© que Ă© o primeiro livro interdisciplinar sobre o assunto, onde um renomado diretor de polĂ­cia trabalha com profissionais de saĂșde mental”, explicou Siomos.

O livro também descreve o perfil do viciado em Internet grego.

O vĂ­cio ocorre principalmente em meninos (90%), com idade mĂ©dia 15 anos. O nĂșmero mĂ©dio de anos de uso do computador antes do diagnĂłstico de dependĂȘncia Ă© de seis anos.

Os viciados navegam na Internet por cerca de 42 horas por semana e 97% sĂŁo viciados em jogos online.

O uso da Internet entre adolescentes viciados Ă© de 79% em casa, 67% na Internet e 17% na escola.

Finalmente, em 72% dos casos, os sintomas psiquiĂĄtricos seguem o vĂ­cio.

A apresentação do livro também contou com a presença do professor de Criminologia da Universidade de Atenas, Nestor Kourakis e o presidente do Sindicato dos Psiquiatras Profissionais da Grécia, Konstantinos Alexandropoulos.

Fonte: nooz.gr