Um mercado de smartphones muito competitivo est√° atrasando a Samsung, mas apenas parcialmente

A sensa√ß√£o de que as vendas de Smartphone Samsung da fam√≠lia S9, ap√≥s um in√≠cio borbulhante, n√£o est√£o indo na dire√ß√£o desejada, √© confirmado nos an√ļncios da empresa sobre os resultados econ√īmicos esperados para o trimestre que acabou de terminar.

A Samsung antecipou que no segundo trimestre, os lucros aumentarão com a menor taxa entre os registrados há mais de um ano, com a principal causa a ser indicada precisamente nos resultados abaixo das expectativas para as vendas de smartphones da família Galaxy S9.

Existe, no entanto certamente n√£o podemos dizer que a Samsung n√£o √© saud√°vel: a empresa espera vendas de aproximadamente US $ 51 bilh√Ķes no trimestre, queda de 5% em rela√ß√£o ao per√≠odo correspondente do ano passado. O lucro operacional trimestral dever√° atingir US $ 13,2 bilh√Ķes, neste caso, um aumento de 5% em rela√ß√£o ao per√≠odo correspondente de 2017.

Se a Samsung como um todo, portanto, permanece nos n√≠veis a que nos acostumou nos √ļltimos anos, o mesmo n√£o se pode dizer das vendas de seus smartphones de primeira linha. Os consumidores tornaram-se muito mais cuidadosos, gra√ßas √† alta disponibilidade de modelos cada vez mais completos e ricos em recursos. Tamb√©m fica cada vez mais dif√≠cil inovar radicalmente no mercado de smartphones passando de uma gera√ß√£o para a outra, um fen√īmeno que certamente n√£o leva os consumidores a comprar um novo smartphone com mais frequ√™ncia.

Nas √ļltimas semanas, houve v√°rias atividades apoiando a demanda por novos smartphones, focado precisamente nos modelos Galaxy S9 e Galaxy S9 Plus: a Samsung tenta mudar a tend√™ncia do mercado, mesmo que isso aconte√ßa ao operar com alavancas de marketing que reduzem os lucros e aumentam o volume geral de rotatividade.

À luz de tudo isso, será interessante ver as novidades que a Samsung apresentará com o novo terminal Notas 9, com estreia prevista para agosto. Este produto, voltado principalmente para usuários profissionais, não se aproxima da série Galaxy S9 em termos de volumes de vendas, mas representa para a Samsung um ponto de referência em termos de tecnologias e recursos implementados em um smartphone.