Três novas lentes da Hasselblad, incluindo as mais brilhantes da história

A Hasselblad introduziu três novas lentes e um telemômetro no sistema de médio formato XCD.

Entre o XCD 65mm F2.8 (50mm no formato 35mm) e o XCD 135mm F2.8 (105mm no formato 35mm) está o impressionante XCD 80mm F1.9 (63mm no formato 35mm), a lente mais brilhante que já vimos desde companhia.

A XCD 80mm F1.9 é uma fera leve, mas ao mesmo tempo tem um corpo pesado, pois seu peso chega a 1045 gramas. Possui um motor de foco automático duplo para maior velocidade e precisão e é ideal para retratos. Pode focar a partir de 70 cm com uma proporção de 1: 6.4.

É composto por 14 elementos ópticos em 9 grupos e aceita filtros de 77 mm. Seu preço é de 3.990 euros.

Leia mais no site da Hasselblad.

Passamos para o XCD 65mm F2.8, o clássico 50mm no formato médio, composto por 10 elementos ópticos em 6 grupos, com a possibilidade de usar filtros de 67mm. Adequado para uso geral, fotografia de estrada e viagens, pode focar a partir de 50 cm.

Seu preço é de 2.290 euros.

Leia mais no site da Hasselblad.

Por fim, vamos ao XCD 135mm F2.8, uma lente telefoto de 105mm, adequada para retrato e paisagem. Ele pode focar a partir de 1 metro e, em combinação com o novo telemômetro X Converter 1.7, ele pode fornecer 230 mm (178 mm a 35 mm).

É composto por 10 elementos ópticos em 6 grupos com rosca de filtro em 77mm. Seu preço é de 3.390 euros. Juntamente com o controle remoto X Converter 1.7, o preço é de 3.990 euros.

Leia mais no site da Hasselblad.