Tecnologia robótica em toda a sua glória

Dois engenheiros fizeram artificialmente uma m√£o artificial para uma caneta

Ivan Owen, de Bellingham, Washington, fez uma parceria com Richard Van As, da √Āfrica do Sul, para construir um bra√ßo rob√≥tico, que mais tarde foi publicado no site do Thingiverse.

Mas a melhor parte da história é que essa construção foi feita por graça <…>

um garoto de cinco anos da √Āfrica do Sul chamado Liam, nascido sem os dedos da m√£o direita.

O começo veio quando Van As descobriu o trabalho de Owen, em uma mão protética feita à mão que ele havia apresentado anteriormente em uma conferência. O próprio Van As perdeu quatro dedos em um acidente e pediu a Owen para ajudá-lo.

Durante os testes do braço protético de Van As, nasceu a idéia de ajudar o pequeno Liam, com os dois iniciando a colaboração diretamente para o novo projeto.

Quando a informa√ß√£o vazou, muitos estavam interessados ‚Äč‚Äčem ajudar. Os executivos da MakerBot, em particular, doaram duas impressoras 3D, o Replicator 2, para dar a oportunidade de imprimir as partes da m√£o mec√Ęnica. Dentro de alguns dias, Liam adquiriu seu bra√ßo rob√≥tico, com Owen e Van As n√£o descansando e continuando a evoluir. Hoje, o pequenino √© capaz de pegar objetos muito pequenos, como moedas, etc.

Liam1

Agora, os designers da m√£o est√£o tentando arrecadar fundos para que outras pessoas que perderam os dedos possam ajudar.

√Č a primeira prova do que uma impressora 3D pode fazer em conjunto com a vontade de duas pessoas de tornar o mundo um lugar melhor para seus semelhantes.

Liam2

Liam3

Fonte: newsbeast.gr