Snapdragon 710, o herdeiro dos 660 a bordo dos smartphones Xiaomi

O Snapdragon 710 serĂĄ o herdeiro natural do Snapdragon 660, provavelmente o melhor processador de gama mĂ©dia no campo de smartphones. Os primeiros dispositivos a serem capazes de se beneficiar do desempenho deste novo Qualcomm SoC serĂŁo o Xiaomi, como emerge de um comprometimento vazado pelo conhecido fĂłrum da indĂșstria XDA.

Vamos começar com as especificaçÔes tĂ©cnicas deste Snapdragon 710. SerĂĄ um SoC com CPU octa-core, consistindo em dois nĂșcleos ARM Cortex-A75 (para operaçÔes mais complexas) combinados com seis nĂșcleos ARM Cortex-A55 (para processos que exigirĂŁo menos energia). A parte grĂĄfica serĂĄ gerenciada pela GPU Adreno 615, que operarĂĄ em frequĂȘncias entre 430 e 700 MHz.

snapdragon 710 1
Clique para ampliar

Certamente serå significativo verificar o desempenho oferecido por este Snapdragon 710. O antecessor Snapdragon 660, oficializado pela Qualcomm em maio de 2017, provavelmente ainda hoje é o melhor processador do mercado para smartphones de médio alcance, capaz de garantir performances realmente próximas às dos SoCs de primeira linha (como também confirmado pelos benchmarks).

Leia também: Xiaomi Mi Home, chega o suporte para o idioma italiano

No entanto, ele nĂŁo teve uma grande difusĂŁo, provavelmente devido ao alto custo de produção e ao desejo de diferenciar os smartphones de gama mĂ©dia com os de alta qualidade, tanto quanto possĂ­vel. A esperança Ă© que o Snapdragon 710, para confirmar os padrĂ”es de qualidade do 660, pode ser integrado a um nĂșmero maior de dispositivos.

snapdragon 710
Clique para ampliar

Nesse sentido, a Xiaomi serĂĄ a primeira a se concentrar neste SoC. Os dois smartphones da empresa chinesa, atualmente conhecidos com os codinomes de Comet e Sirius, devem de fato supervisionar esse segmento de mercado. Pela primeira vez, falamos sobre o display OLED com a funcionalidade Always On e uma bateria de 3.100 mAh, enquanto o segundo deve ter uma aparĂȘncia estĂ©tica caracterizada pelo entalhe e bateria de 3.120 mAh.

Leia também: O Xiaomi Mi Mix 2S é oficial, imediatamente no topo do DXOMark

NĂŁo estĂĄ excluĂ­do que entre estes dois possa haver o herdeiro do Xiaomi Mi Note 3, um dos poucos smartphones equipados com o Snapdragon 660. Saberemos mais nas prĂłximas semanas, talvez precisamente por ocasiĂŁo do evento anunciado hoje pela empresa chinesa em 25 de abril.


Tom’s Recommend

o Mi Mix 2S Ă© o novo smartphone topo de gama da Xiaomi. Caracterizado por um design sem bordas, ele pode contar com o novo SoC Snapdragon 845, juntamente com 6 GB de RAM.