Smartphones Sharp na Europa, em junho com 5 modelos

A Sharp estå se preparando para retornar ao mercado europeu de smartphones. A empresa japonesa, de acordo com um documento divulgado nessas horas, planeja comercializar 5 dispositivos, começando do topo da faixa até a faixa média-baixa. Uma formação completa, portanto, que testemunharia a importùncia do Velho Continente nos planos da sociedade.

O portador padrĂŁo desse retorno deve ser o Sharp E-F1. Para este dispositivo falamos sobre o SoC Snapdragon 845, juntamente com 4 GB de RAM, uma cĂąmera traseira dupla (22,6 MP + 16 MP), bateria de 3.000 mAh e um design semelhante ao do Essential Phone, com a parte frontal ocupada quase inteiramente pela tela, cuja continuidade seria interrompida apenas pela cĂąmera frontal 16,3 MP.

Telefones Sharp 2018 Europa
Clique para ampliar

Portanto, especificaçÔes técnicas de ponta, tanto que o documento indica um preço de tabela de 999 euros. Imediatamente abaixo do E-F1, na escala hierårquica da Sharp, deve haver o P1, com Snapdragon 660, 6 GB de RAM e preço de tabela de 799 euros. Passaremos então para o E-H1 (Snapdragon 630, 4 GB de RAM) a 499 euros, até os modelos chamados E-M1 e E-L1, ambos com processadores MediaTek e posicionados, respectivamente, a 399 e 249 euros.

Leia também: Oppo pronto para voltar a vender smartphones na Itålia?

NĂșmeros que, se confirmados, representaria uma escolha ousada para a Sharp. A marca da empresa japonesa certamente reteve algum peso na Europa, dada a sua presença em outros setores de produtos eletrĂŽnicos de consumo (especialmente com televisores), mas no mercado de smartphones a situação Ă© bastante complexa.

Captura de tela 2018 04 04 em 15 23 00
Sharp Aquos S3

Basta pensar como a própria Xiaomi, em quinto lugar no ranking mundial de fabricantes de smartphones, no entanto, escolheu uma política de preços agressiva para entrar na Europa. Em suma, a estratégia da Sharp certamente contraria a saturação do setor.

Leia também: Xiaomi na Itålia, começa a contratação

De qualquer forma, parece que a empresa japonesa estå disposta a retornar ao mercado europeu de smartphones a partir de junho. Nas próximas semanas, deveríamos ter novas informaçÔes disponíveis sobre esses dispositivos Sharp, o que poderia nos permitir criar uma imagem mais clara da situação.


Tom’s Recommend

o Huawei P20 Pro, o novo smartphone topo de gama da empresa chinesa, pode ser adquirido através da Amazon com jå desconto de 50 euros que o preço de tabela.