Smartphone Nokia está crescendo, melhor do que Google, HTC e ASUS

A Nokia teria enviado 4,4 milhões de smartphones no quarto trimestre de 2017. É isso que emerge de um novo relatório produzido pela CounterPoint Research, uma empresa especializada em pesquisa de mercado. A empresa finlandesa, no período considerado, teria colocado atrás de outras marcas como Google, HTC, Sony, Lenovo, ASUS, OnePlus, Alcatel, Meizu, Gionee e Coolpad.

O fato de o segundo semestre de 2017 permitir à Nokia avançar em termos de vendas em comparação com os primeiros meses do ano é na verdade um número que já emergiu de outros relatórios. De fato, nesse período, muitos dos novos smartphones da empresa chegaram a novos mercados, podendo assim contar com um marketing mais homogêneo.

De acordo com Neil Shah, um dos analistas da CounterPoint Research, os resultados obtidos pela Nokia no quarto trimestre de 2017 permitir-lhe-ia ganhar uma quota de mercado global de 1%, tornando-se o décimo primeiro maior fabricante de smartphones do mundo. Resultados que, se confirmados, representariam um começo realmente promissor para o relançamento da marca operada pela HMD Global a partir do ano passado.

Leia também: Nokia vendeu 1,5 milhão de smartphones em apenas seis meses

Por meio de sua conta no Twitter, Neil Shah publicou a lista de empresas que a Nokia aprovaria no quarto trimestre de 2017. Entre elas, como vimos no início, haveria o Google, presença consistente com os dados divulgados hoje pela IDC sobre a tendência no mercado de pixels.

De acordo com a IDC, de fato, O Google enviaria 3,9 milhões de Pixels e Pixel 2 (incluindo variantes XL) em 2017. Um resultado certamente não impressionante em um sentido absoluto, que no entanto permitiu à empresa Mountain View dobrar seus envios em comparação a 2016, apesar do fato de a segunda geração de seus smartphones ter chegado ao mercado somente no final do ano.

Leia também: Nokia 8 review

Voltando à Nokia, no entanto, o outro dado extremamente significativo seria o envio de telefones comuns, os celulares clássicos, por assim dizer. A empresa finlandesa teria embarcado 20,7 milhões no quarto trimestre de 2017, Para um total de 59,2 milhões no ano passado. Números que, somados a esses smartphones, permitiriam à HMD Global contar com uma participação de mercado global de 5%, elevando-se em sexto lugar no ranking mundial de fabricantes de telefonia.

Nokia

Deve-se lembrar que os dados da CounterPoint Research e da IDC não podem ser considerados oficiais. Por outro lado, no entanto, se esses números foram confirmados, representaria um grande reconhecimento para a HMD Global, com o projeto de relançar a marca Nokia, que ficaria em 2018 com grande confiança, principalmente em vista do próximo Mobile World Congress em Barcelona.


Tom’s Recommend

O Xperia XZ Premium, o atual topo de gama da Sony, é o único smartphone do mundo a gravar vídeo em câmera lenta a 960 FPS.