Smartphone dobrável: o Motorola Razr será acessível para todos?

O Motorola Razr continua sendo o foco da atenção da mídia. Qual será o primeiro smartphone dobrável da casa alada, ao contrário do que você imagina, não terá recursos de primeira linha. O conhecido portal XDA está convencido disso, que divulgou hoje um relatório contendo quais deveriam ser as especificações deste dispositivo.

De acordo com a XDA, o novo Motorola Razr será baseado no processador Snapdragon 710. É um SoC de ponta média-alta que, no caso do smartphone em questão, deve ser acompanhado por 4 ou 6 Gigabytes de RAM, dependendo da versão. Obviamente, haverá duas telas: uma tela principal, flexível e de 6,2 polegadas, com uma resolução de 2.142 x 876 pixels; um externo com resolução de 800 x 600 pixels e uma diagonal não especificada.

A presença de duas telas é explicada em breve. A nova versão do Motorola Razr deve de fato manter o design icônico do modelo lançado no mercado em 2004, ou o fator de forma do shell. Nesse sentido, algumas imagens anexadas à patente registrada pela empresa sobre esse dispositivo vazaram online nas últimas semanas, o que mostra exatamente esse aspecto estético.

A bateria deve ser de 2.730 mAh completo com suporte de carga rápida de 27W de acordo com o padrão proprietário TurboPower. Estão disponíveis três cores: branco, preto e horas, em vez de dois cortes de memória: 64 ou 128 Gigabyte, também neste caso, dependendo da versão escolhida. Em resumo, um smartphone pertencente à faixa média-alta do mercado, que por esse motivo poderia ter uma grande importância estratégica.

De fato, produtos como o Mate X ou o Galaxy Fold serão oferecidos por valores acima de 2.000 euros, tão acessível para alguns. O Motorola Razr, por suas características, poderia ser o primeiro smartphone dobrável a estar ao alcance de todos. Um aspecto a não ser subestimado, especialmente do ponto de vista comercial, que pode realmente fazer a diferença. Vamos ver se os rumores da XDA são verdadeiros ou não.