Sem um scanner de íris, mas com um leitor de impressões digitais no display, o Galaxy S10?

Galaxy S9 plus e S9 revelados 2

O scanner de íris que apareceu pela primeira vez em 2016 no explosivo Galaxy Note 7 pode ser removido pela Samsung e o Galaxy S10 terá apenas um leitor de impressões digitais embutido na tela.

A razão pela qual a Samsung pode remover o leitor de íris para desbloquear o Galaxy S10 tem a ver com o aumento do tamanho da tela, pois mostrou recentemente que está desenvolvendo tecnologia para colocar a câmera selfie e o leitor de impressões digitais para baixo da tela, o que tornará a tela do Galaxy S10 ainda maior.

De acordo com um relatĂłrio da CorĂ©ia do Sul, o leitor de impressões digitais na tela será a Ăşnica maneira de desbloquear o Galaxy S10, com a empresa removendo o leitor de Ă­ris de todos os modelos da sĂ©rie S10. Destes, apenas o modelo “econĂ´mico” será equipado com um leitor de impressĂŁo digital na parte traseira ou lateral como no Galaxy A7.

Os outros dois Galaxy S10s apresentarão o melhor leitor de tela de terceira geração, que é alimentado pela tecnologia ultrassônica da Qualcomm, proporcionando maior velocidade e precisão de leitura. Além disso, a Samsung pode acreditar que a tecnologia no leitor de impressão digital na tela foi desenvolvida a tal ponto que não precisa usar nenhuma outra tecnologia para desbloquear os dispositivos.