Samsung: o Galaxy S11 pode ser controlado sem tocĂĄ-lo?

Como parte da revisĂŁo do Google Pixel 4, conversamos com vocĂȘ em profundidade sobre a tecnologia Motion Sense. Esta Ă© uma solução desenvolvida pela empresa Mountain View que, graças a uma sĂ©rie de sensores, permite perceber o movimento do usuĂĄrio, controlando assim o smartphone remotamente. Uma possibilidade que, jĂĄ hoje, nos permite vislumbrar imenso potencial que, evidentemente, a Samsung tambĂ©m deseja explorar.

De fato, a empresa sul-coreana, conforme encontrada pelos colegas da Let’s Go Digital, registrou uma patente relacionada a um sensor especĂ­fico chamado ISOCell-Motion. Mais uma vez, a documentação refere-se a um sensor capaz de detectar movimento, que pode ser integrado a bordo do Galaxy S11, ou qual serĂĄ o smartphone topo de gama da empresa sul-coreana para a primeira parte de 2020.

Imagem de crĂ©dito – Let’s Go Digital

Por enquanto nĂŁo hĂĄ detalhes especĂ­ficos sobre isso. A mesma documentação descoberta por Let’s Go Digital non nĂŁo fornece muita informação. No entanto, como acontece com frequĂȘncia, o Google pode ter traçado a estrada novamente com seus Pixels, eliminando o sensor para reconhecimento de impressĂ”es digitais e introduzindo o reconhecimento facial 3D que, em parte, tambĂ©m aproveita a tecnologia Motion Sense.

Para a solução desenvolvida pela Samsung, no entanto, espere pelo menos no próximo ano. Considerando o sucesso comercial da linha S10, não estå excluído que a empresa sul-coreana possa decidir atrasar o lançamento do Galaxy S11. Veremos.