Samsung anunciou a resposta para o iPad mini

samsunggalaxynote8.0 A Samsung anunciou um tablet PC de 8 polegadas no domingo, um dia antes do lançamento do Mobile World Congress em Barcelona – O motivo do Galaxy Note 8.0, que Ă© essencialmente o “pavor rival” do iPad mini (7,9 polegadas), o primeiro pequeno “tablet” lançado pela Apple há alguns meses.

A nova nota tem uma densidade de pixels de 189 ppi, um pouco maior que o iPad mini. É equipado com um processador quad-core de 1,6 GHz, duas câmeras e um interno <…>

espaço de armazenamento de 16 ou 32 GB, dependendo do modelo. Ele também vem com várias baterias de 4.600 mAh, o que lhe confere grande autonomia.

Em sua versĂŁo básica, o tablet fornecerá acesso Ă  Internet via Wi-Fi, enquanto um modelo com capacidade de conexĂŁo a redes 3G será lançado – na verdade, esse modelo poderá aceitar e receber chamadas telefĂ´nicas, embora o comunicado Ă  imprensa A empresa diz que esse recurso estará disponĂ­vel em paĂ­ses selecionados.

Como os outros modelos da sĂ©rie Note, o Galaxy Note 8.0 poderá “executar” dois aplicativos na tela inicial ao mesmo tempo. TambĂ©m será acompanhado pela caneta especial S Pen, que permite escrever notas e lidar com várias funções que a Samsung integrou no “tablet”. Seus componentes sĂŁo complementados por um receptor infravermelho, para que tambĂ©m possa ser usado como controle remoto.

Espera-se que o novo modelo seja lançado na China, Coréia do Sul e Europa de abril a junho. No entanto, seus preços de venda não foram anunciados.

A Samsung Ă© considerada a fabricante de dispositivos “inteligentes” mais bem-sucedida – com sua participação, segundo a IDC, responsável por 21,2% do total de vendas de smartphones e tablets no perĂ­odo de outubro de 2012 a dezembro passado. No entanto, a maior parte desse percentual vem principalmente dos smartphones da empresa coreana, já que especialmente os tablets ficaram em segundo lugar, com 15,1%, contra 43,6% ocupados pela primeira Apple.

Assim, de acordo com a BBC, o lançamento do Galaxy Note 8.0 mostra que a Samsung está determinada a reivindicar uma parte do seu principal concorrente, lançando um modelo com vários “extras” em comparação com o iPad mini.

Fonte: portal.kathimerini.gr