Razer Phone 2, sistema de refrigeração com líquido e gás

O Razer Phone 2 √© o mais recente smartphone para jogos apresentado pela empresa californiana. Entre as inova√ß√Ķes mais importantes, certamente existe a op√ß√£o de implementar uma vers√£o reduzida do sistema de refrigera√ß√£o da c√Ęmara de vapor visto a bordo do computador Blade 15. Como √© feito?

O conhecido youtuber JerryRigEverything – al√©m do teste de resist√™ncia usual – desmontou literalmente o smartphone, mostrando a facilidade com que os componentes podem ser removidos (e, portanto, substitu√≠dos) e a opera√ß√£o da c√Ęmara de vapor. O sistema de refrigera√ß√£o – que permite uma melhor dissipa√ß√£o de calor, especialmente durante longas sess√Ķes de jogo – consiste em um fina folha de cobre com l√≠quido e g√°s no interior.

No momento em que o processador aquece o lado esquerdo da c√Ęmara de resfriamento, o vapor coleta o calor, que √© ent√£o afastado na dire√ß√£o da parte em que o resfriamento ocorrer√° gra√ßas ao presente l√≠quido. O vapor resfriado retorna √† parte superior para retomar todo o ciclo. Aqui est√° como a empresa conseguiu manter o fator de forma, resolvendo o problema de superaquecimento, o que √© sempre crucial em smartphones como o Razer Phone 2.

O smartphone teve um bom desempenho, mesmo durante o teste de resistência tradicional a que ele foi submetido alguns dias atrás. O painel LCD de 5,7 polegadas protegido pelo Gorilla Glass 5 resistiu ao nível 6 de Mohs e o corpo foi promovido com cores voadoras, mesmo no momento do teste de flexão, no qual o dispositivo foi dobrado.

Em suma, a Razer parece ter conseguido criar um smartphone capaz de combinar alto desempenho e estabilidade sem ter que abrir m√£o da solidez.