Queda no uso de novas tecnologias na economia grega

tromaktiko Em 64¬ļ lugar, entre 144 pa√≠ses, a Gr√©cia est√° em seu ranking estudo anual ¬ęRelat√≥rio Global de Tecnologia da Informa√ß√£o 2013¬Ľ do F√≥rum Econ√īmico Mundial, que se refere ao uso de novas tecnologias na economia de cada pa√≠s. Segundo o estudo, a pontua√ß√£o do nosso pa√≠s foi de 3,9 e o decl√≠nio em seu desempenho anual na economia digital corresponde a 5 posi√ß√Ķes, pois em 2012 ficou em 59¬ļ lugar entre 142 pa√≠ses.

Com o tempo, de 2006 a 2007, quando a Gr√©cia ficou em 48¬ļ lugar entre 122 pa√≠ses,<‚Ķ>

o curso da economia digital grega est√° em decl√≠nio. Em 2010-2011, a Gr√©cia ficou em 64¬ļ lugar, subiu em 2012 para 59¬ļ e em 2013 est√° novamente em 64¬ļ, incapaz de manter a vantagem da ascens√£o do ano passado.

Essas flutua√ß√Ķes no ranking da Gr√©cia em termos de desempenho na economia digital mostram uma arritmia na ado√ß√£o de inova√ß√Ķes e reformas com a ajuda de novas tecnologias. No entanto, analistas do F√≥rum Econ√īmico Mundial n√£o escondem seu otimismo de que as condi√ß√Ķes s√£o melhores do que no exerc√≠cio financeiro anterior, quando a onda de crise foi feroz, varrendo empregos, estabilidade financeira e perspectivas, especialmente para nova gera√ß√£o. Nesse contexto, os pa√≠ses est√£o fazendo o que podem para se adaptar aos novos dados, incorporando as tecnologias da informa√ß√£o e comunica√ß√£o em suas estruturas e economias.

Vale ressaltar que, para 2013, os pa√≠ses com alto desempenho na economia digital est√£o contabilizando perdas, uma amostra da recess√£o que est√° afetando parte da economia internacionalmente. A China perdeu 7 lugares, Rom√™nia 8, Su√©cia 2, Dinamarca 4, Canad√° 3, Nova Zel√Ęndia 6 e Argentina 7. Por outro lado, o M√©xico subiu 13 lugares, a Ge√≥rgia 23 lugares, Israel √© 5 lugares mais alto, Israel e Luxemburgo tamb√©m s√£o 5 lugares mais altos, Cazaquist√£o √© 12 lugares mais alto.

Analistas do F√≥rum Econ√īmico Mundial apontam que o reconhecimento da Tecnologia da Informa√ß√£o e Comunica√ß√£o (TIC) como uma alavanca para o desenvolvimento e a cria√ß√£o de empregos de alto n√≠vel est√° agora difundido internacionalmente. O risco de investimento em TIC se torna mais urgente do que nunca e o valor de seu impacto na produ√ß√£o e utiliza√ß√£o dos recursos de cada pa√≠s √© reconhecido.

“As tecnologias da informa√ß√£o e comunica√ß√£o s√£o um fator-chave para um mundo mais econ√īmico, ambiental e socialmente sustent√°vel, ap√≥s uma das mais graves crises econ√īmicas das √ļltimas d√©cadas”., caracter√≠sticas do relat√≥rio.

“O Relat√≥rio Global de Tecnologia da Informa√ß√£o 2013” enfatiza o papel fundamental da tecnologia como catalisador da transforma√ß√£o da sociedade e da economia na pr√≥xima d√©cada, por meio da moderniza√ß√£o e inova√ß√£o.

Os dez principais pa√≠ses tecnologicamente avan√ßados e conectados digitalmente s√£o conclu√≠dos na seguinte ordem: Finl√Ęndia, Cingapura, Su√©cia, Holanda, Noruega, Su√≠√ßa, Reino Unido, Dinamarca, Estados Unidos, Taiwan e China.

No √ćndice de prontid√£o em rede (NRI), acima da Gr√©cia est√£o pa√≠ses como Cazaquist√£o (43), Maur√≠cio (55), Montenegro (48), Cro√°cia (51), Malta. (28¬ļ lugar), Rep√ļblica Tcheca (42¬ļ lugar), Litu√Ęnia (32¬ļ lugar), Barbados (39¬ļ lugar), Chile (34¬ļ lugar) e Let√īnia (41¬ļ lugar).

A classifica√ß√£o dos pa√≠ses no Digital Readiness Index baseia-se em quatro eixos: Meio ambiente (pol√≠tico, regulat√≥rio, comercial, inovador), Prontid√£o (infraestrutura e conte√ļdo digital, acessibilidade financeira, habilidades), Uso (pessoal, profissional, governo) e Impacto social).

A Gr√©cia, em 2013, em termos do eixo Meio Ambiente, ocupa o 87¬ļ lugar e, em termos do Eixo Prontid√£o, em 47¬ļ lugar, em termos de Uso, 68¬ļ e, em termos de Impacto, 82¬ļ.

Sistema jurídico, problemas no empreendedorismo e na criação de empresas, alto custo de serviços tecnológicos, baixa qualidade do sistema educacional, baixa taxa de inovação e baixo impacto da tecnologia na economia real, sociedade e governo são suas desvantagens Grécia, que está lançando seu desempenho na economia digital.

Fonte: tro-ma-ktiko.blogspot.gr