Playstation 5: A Sony revelou os recursos do novo console!

A Sony revelou novos detalhes sobre o tão esperado PlayStation 5 (PS 5). O console de videogame da próxima geração estará disponível comercialmente pouco antes da temporada festiva de 2020, ou seja, no final do próximo ano, enquanto, de acordo com a Sony, seu lançamento programado não será afetado pela pandemia do Koronaio. Em quase uma hora de apresentação, a Sony analisou os recursos e a estrutura do Playstation 5. Os recursos que aprimoram o novo sistema da Sony são as placas gráficas de CPU e GPU da AMD, junto com um novo SSD (estado sólido) -Drive) com uma capacidade de 852GB, o que permitirá uma inicialização mais rápida e um carregamento mais rápido dos jogos. Mais especificamente, as especificações técnicas do Playstation 5 são apresentadas na tabela abaixo.Recursos do Sony Playstation 5

Antes do lançamento da apresentação, a Eurogamer mencionou os recursos oficiais do console. A Microsoft também revelou as especificações para o Xbox Series X. Os dois novos consoles terão hardware semelhante, incluindo CPU e GPU fabricados pela AMD e SSDs.

O arquiteto do PlayStation 5, Mark Cerny, apresentou em detalhes a arquitetura do sistema e como ele determinará o futuro dos jogos. Ele começou a apresentação explicando os três princípios por trás do design do hardware do Playstation 5: 1) “ouvindo” os desenvolvedores, 2) equilibrando evolução e revolução e 3) encontrando novos sonhos. Ele então fez uma referência ao tempo que leva para os desenvolvedores aproveitarem ao máximo o poder do novo console, que ele chamou de “tempo morto”. Ele também observou que os consoles anteriores da PlayStation estão mudando nesta temporada, com o PS2 durando de três a seis meses, o PS3 de seis a doze meses, o PS4 por mês e observando que o PS5 durará menos.

Em relação à “escuta” dos desenvolvedores, Cerny disse que o SSD foi o primeiro pedido dos desenvolvedores de jogos e que é um “jogo de mudança”. Ele mostrou que o disco rígido do PS4 pode carregar de 50 a 100 MB por segundo, enquanto o objetivo do SSD do PS5 é de 5 GB por segundo. O resultado é que o PS5 carrega 2 GB de dados em 0,27 segundos, comparado aos 20 segundos do PS4.Recursos do Sony Playstation 5

O SSD do PS5 também tem uma vantagem em termos de RAM. Com o PS4, alguns dos dados do jogo são armazenados na RAM. No PS5, o SSD é quase tão rápido quanto a RAM, então os desenvolvedores podem simplesmente recuperar dados do jogo a partir do SSD, liberando mais RAM. Além disso, o PS5 terá a capacidade de integrar um SSD adicional para aqueles que precisam de mais espaço de armazenamento, mas a unidade deve ser semelhante à que já está disponível no console.Quanto à GPU e CPU, Cerny enfatizou que a empresa desenvolveu novas estratégias que levaram a um processamento gráfico com um máximo de 2,23GHz que pode produzir 10,3 teraflops, enquanto o processador tem um máximo de 3,5GHz. Os processadores do sistema também ajudarão a reduzir a energia que o console usará, para que não superaqueça e fique “estressado”.

No final da apresentação, foi feita referência ao som do Playstation 5. O hardware Tempest Engine ativa um som 3D, começando pelos fones de ouvido, que serão o “padrão-ouro” para o console. Para quem usa alto-falantes, o PS5 criará um som surround virtual.

As primeiras informações sobre o PS5 foram divulgadas em outubro com teasers sobre o hardware e o controlador, enquanto em fevereiro a Sony criou um site com informações sobre o console, mas no qual não foram divulgados mais detalhes.