Pense nas casas da Big Factory conectadas à Internet

√Č uma casa interativa projetada e constru√≠da pelo escrit√≥rio de arquitetura espanhol Think Big Factory, com sede em Madri.

Para os viciados em internet, a casa futurista √© um “para√≠so”, pois paredes, pisos e todas as superf√≠cies s√£o transformadas em telas sens√≠veis ao toque com a ajuda de projetores e sensores do Kinect da Microsoft, permitindo que os moradores “entrem” no Facebook a cada hora. e instale e fa√ßa videochamadas no Skype com os amigos, que agora aparecem em tamanho real nas telas.

openarch-smart-home

Toda a casa do Digital Openarch √© controlada por residentes de qualquer lugar (mesmo quando est√£o deitados na cama!) Por voz ou por gestos, “entendidos” por telas de parede, sistemas el√©tricos e eletr√īnicos e v√°rios dispositivos ( ilumina√ß√£o, m√°quinas de lavar, televis√Ķes, aparelho de som, etc.).

Como afirmou o diretor da Think Big Factory, Ion Cuervas-Morris, “o hardware est√° completo e o software continua a ser conclu√≠do. Qualquer coisa em casa pode ser usada para comunica√ß√£o, pois as interfaces est√£o em todo lugar “.

O sistema visa substituir os teclados e controles remotos necessários para interagir com a tecnologia, pois a maior parte da instalação é invisível.

interfaz1

O primeiro inquilino já se mudou para a casa experimental e está usando alguns dos espaços, permitindo que os designers aprendam e façam melhorias.

A interface principal fica na sala de estar, onde o inquilino pode acessar redes sociais, ler revistas ou ouvir m√ļsica com apenas alguns gestos.

O programa começou há três anos e até agora 40% dos aplicativos estão funcionando, com a empresa esperando que em breve todo o software seja concluído e o desenvolvimento de vários produtos que o inquilino possa ter à sua disposição.

fonte