Palm, um smartphone em 2018 como uma operação de nostalgia?

Um smartphone Android com a marca Palm, pronta para chegar ao mercado no segundo semestre de 2018. √Č o que emerge de um relat√≥rio produzido pelo conhecido jornal Android Police, segundo o qual o dispositivo em quest√£o ser√° distribu√≠do exclusivamente pela Verizon, uma conhecida operadora de telefonia americana. Portanto, poderia estar diante de uma esp√©cie de opera√ß√£o de nostalgia.

Os f√£s da ind√ļstria certamente se lembrar√£o da marca Palm, que em meados dos anos 90, na verdade, iniciou a era dos dispositivos port√°teis com produtos que fizeram hist√≥ria, como o Pilot 1000 e o Pilot 5000. Estamos falando de precursores reais dos smartphones modernos, que na √©poca representavam um enorme salto tecnol√≥gico.

Palm Pilot 1000

Nos anos seguintes, o sucesso dos dispositivos Palm diminuiu, também devido aos novos desenvolvimentos no setor de telefonia. Em abril de 2010, a empresa foi adquirida pela HP por 1,2 bilhão. Em agosto de 2011, a empresa Palo Alto decidiu alienar a marca. Tudo isso até o final de 2014, quando TCL entrou em cena.

Leia também: Guia de compra de smartphones

A multinacional chinesa, que também controla a Alcatel One Touch, adquiriu de fato a marca Palm, e, portanto, estará envolvido na produção deste smartphone a que a Polícia Android se refere. Além disso, a operadora de telefonia Verizon era o parceiro histórico do fabricante do dispositivo portátil, o que é consistente com o cenário previsto pelo jornal americano.

palm

Por enquanto, n√£o h√° detalhes sobre especifica√ß√Ķes t√©cnicas e sobre o sistema real de smartphones, assim como n√£o est√° claro se poderia ser uma opera√ß√£o limitada apenas aos Estados Unidos, ou talvez projetado para uma distribui√ß√£o global. Quem sabe se a marca Palm ainda ser√° capaz de atrair a aten√ß√£o dos mais apaixonados.


Tom’s Recommend

Voc√™ est√° procurando um smartphone com excelente desempenho, pre√ßo baixo e atualiza√ß√Ķes de software garantidas ao longo do tempo? O Xiaomi Mi A1, baseado no Android One, pode ser a escolha certa.