O iPhone como documento de identidade, a Apple registra uma patente

Use um iPhone como um documento de identidade oficial. A Apple registrou uma patente a esse respeito, que mostra como, para esse fim, os componentes de hardware j√° integrados nos smartphones da empresa Cupertino poderiam ser usados. No entanto, essa n√£o √© uma perspectiva simples, que abriria toda uma s√©rie de impedimentos legais a serem resolvidos, antes de todos os acordos com as v√°rias institui√ß√Ķes.

A operação descrita na patente da Apple é extremamente simples. Através de um sistema de comunicação de curto alcance, usando o chip NFC, o iPhone adquirirá as credenciais de identificação de um documento oficial. Posteriormente, o dispositivo enviaria uma solicitação à autoridade competente e salvaria os dados em uma parte do espaço seguro, após o recebimento do consentimento.

27085 39752 aplicativo de patente para passaporte l

A partir deste ponto de vista, o enclave criptografado já presente nos iPhones seria explorado para a operação Touch ID. Portanto, quando for necessário mostrar os documentos, o usuário não deve fazer nada além de retirar o smartphone e desbloqueá-lo, para que possa ser reconhecido. Uma operação simples, mas que obviamente exigiria acordos complexos.

Leia também: iPhone 2018, 4 GB de RAM e muita potência gráfica

Provavelmente seria necessário um padrão internacional, desenvolvido e protegido por quaisquer governos aderentes. Isso também permitiria que outros fabricantes, além da Apple, pudessem oferecer um serviço semelhante. Em suma, a questão é complexa quando se trata de documentos e dados confidenciais.

Tela 2018 08 10 às 16 11 53

Sem esquecer como o smartphone, muito mais do que documentos em papel, está sujeito a roubo, perda e problemas técnicos. De qualquer forma, como se trata de uma patente, é obviamente prematuro falar de uma aplicação concreta hipotética desse sistema. Vamos ver quais serão os movimentos da Apple.


Tom’s Recommend

O iPhone 8, na versão de 64 GB de armazenamento, está disponível para compra na Amazon com um desconto de mais de 150 euros que o preço de tabela.