O Google deixa o WebKit e quer melhorar o “ecossistema” da Web com o novo mecanismo de renderiza√ß√£o do Blink

blink E, no entanto, havia um campo no qual o Google e a ma√ß√£ poderia-se dizer que eles estavam conectados com os “v√≠nculos” de um determinado “Casamento”E. Esse era o ponto WebKit, um software de mecanismo que permite aos navegadores renderizar p√°ginas da web.

o WebKit come√ßado por ma√ß√£ a 2001, que, no entanto, abriu para C√≥digo abertoalguns anos depois, o Google “Construa” o navegador nele cromada . Parece, no entanto, que ela agora decidiu desenvolver sua pr√≥pria ferramenta,<‚Ķ>

a Piscar, que, de acordo com os desenvolvedores do Chrome, permitir√° maior liberdade em rela√ß√£o √† aplica√ß√£o dos recursos WebCore no navegador, mas tamb√©m √† simplifica√ß√£o de seu c√≥digo. Segundo os engenheiros do Google, “a decis√£o da bifurca√ß√£o do WebKit foi guiada pelo fato de eles se sentirem limitados pela complexidade t√©cnica do trabalho em seu ecossistema”.

o Piscar, inicialmente, usará a mesma base de código que todos os navegadores baseados no WebKit compartilham, mas depois será dividida em um projeto completamente separado, conforme revelado pelo Google.

Por enquanto, desenvolvedores (e, claro, usu√°rios) n√£o haver√° grandes diferen√ßas, como a maioria do “trabalho” incidir√° sobre melhorias na arquitetura de interiores. Segundo o Google, por exemplo, ele poder√° “remover 7 sistemas de compila√ß√£o e excluir mais de 7.000 arquivos contendo mais de 4,5 milh√Ķes de linhas de c√≥digo”. Com o tempo, a empresa diz que isso resultar√° em mais uma Base de c√≥digo “√≠ntegra” o que levar√° a maior estabilidade e menos erros no navegador dela. E isso visa mudar o “ecossistema” geral da Web para melhor.

Se n√£o esquecermos, √© claro, a import√Ęncia do Google considerar o Chrome como um todo, pois n√£o √© um navegador simples na World Wide Web, mas √© a base da opera√ß√£o do sistema operacional como um todo. Chrome OS a empresa. E, como √© √≥bvio, um mecanismo de renderiza√ß√£o mais poderoso envolver√° um sistema operacional mais poderoso com aplicativos mais √ļteis.

E Navegador Opera anunciou que ele se voltaria para Piscar –embora ele tivesse recentemente anunciado que usaria o WebKit – deixando Safari sozinho no software de mecanismo existente, como a Microsoft usa no Internet Explorer seu pr√≥prio mecanismo de renderiza√ß√£o, enquanto o Mozilla usa Raposa de fogo a m√°quina Lagartixa.

Fonte: digitallife.gr