O Facebook explica por que não é possível acessar seus amigos via Vine

vinefb O Facebook esclareceu a política uso da plataforma, em resposta a relatórios de que ele removeu o acesso para encontrar amigos no novo aplicativo de compartilhamento de vídeo do Twitter, o Vine.

Horas depois do lançamento do Vine, a capacidade dos usuários de encontrar amigos no Facebook desapareceu. A mudança não foi uma decisão do Twitter, como aconteceu em julho, o que a impediu <…>

Usu√°rios do Instagram para encontrar contatos usando o Twitter.

Em uma postagem no Blog do desenvolvedor, o Facebook esclareceu algumas das políticas de usuário da plataforma. Embora não mencione o nome de Vine, é claro que a empresa se refere a ele quando escreve:

Para um n√ļmero muito menor de aplicativos que est√£o usando o Facebook para replicar nossa funcionalidade ou iniciar seu crescimento de uma maneira que cria pouco valor para as pessoas no Facebook, como n√£o fornecer aos usu√°rios uma maneira f√°cil de compartilhar de volta ao Facebook, tivemos pol√≠ticas contra isso que estamos esclarecendo hoje mais ő≤őĽ. I.10).

Reciprocidade e replicação das principais funcionalidades: (a) Reciprocidade: a Plataforma do Facebook permite que os desenvolvedores criem experiências sociais personalizadas por meio da API Graph e APIs relacionadas. Se você usa alguma API do Facebook para criar experiências personalizadas ou sociais, também deve permitir que as pessoas compartilhem facilmente suas experiências com as pessoas no Facebook. (b) Replicar a funcionalidade principal: Você não pode usar a Plataforma do Facebook para promover ou exportar dados do usuário para um produto ou serviço que replica um produto ou serviço principal do Facebook sem nossa permissão.

Em outras palavras, se os desenvolvedores desejam ter acesso aos dados da API Graph, para criar uma experi√™ncia personalizada no aplicativo do Facebook, deve ser f√°cil para os usu√°rios compartilharem informa√ß√Ķes do aplicativo no Facebook.

Al√©m disso, os desenvolvedores devem ter permiss√£o do Facebook para encaminhar ou exportar dados do usu√°rio para um aplicativo que “Reproduz um importante produto ou servi√ßo do Facebook”.

No caso do Vine, enquanto o servi√ßo permite a troca de dados no Facebook ou Twitter, as fun√ß√Ķes secund√°rias nas redes sociais parecem se enquadrar na pol√≠tica do Facebook: “Reproduz um importante produto ou servi√ßo do Facebook.”

Embora seja poss√≠vel para o Vine solicitar permiss√£o do Facebook para acessar a API Graph, dada a “guerra” entre o Facebook e o Twitter, isso parece improv√°vel.