O CEO da Ashley Madison renunciou

Noel Biderman, fundador e CEO da Ashley Madison, renunciou hoje apĂłs o recente hack.

A notĂ­cia vem na forma de uma pequena declaração da empresa-mĂŁe de Ashley Madison, a Avid Life Media (ALM), que acrescenta que, por enquanto, a empresa serĂĄ administrada por “executivos seniores existentes”.ASHLEY MADISON CEO

Quanto aos motivos da mudança, a ALM declarou apenas que foi realizada no interesse da empresa e para apoiar os membros e funcionårios existentes.

Ele também reiterou que estava trabalhando com a polícia para localizar os hackers que realizaram o ataque a Ashley Madison.

Obviamente, era esperado um movimento desse tipo pela empresa, pois ela queria recuperar a confiança de seu pĂșblico.

A seguir estå a declaração completa do ALM:

A partir de hoje, Noel Biderman, em consulta com a empresa, renuncia ao cargo de CEO da Avid Life Media e não pertence mais à empresa. Até a nomeação de um novo CEO, a empresa serå liderada pela equipe de gerenciamento existente.

Essa alteração foi feita no melhor interesse da empresa e nos permite continuar a fornecer suporte aos nossos membros e funcionårios dedicados. Estamos comprometidos com nosso compromisso com nossa base de clientes.

Estamos trabalhando para proteger a privacidade dos membros contra criminosos. Continuaremos a fornecer acesso a nossas plataformas exclusivas em todo o mundo para nossos membros.

Estamos cooperando com as autoridades policiais internacionais em um esforço para levar os responsĂĄveis ​​por roubar os dados de nossos membros e nossas informaçÔes comerciais Ă  justiça.