Noruega: 17 anos preso por ataques de hackers contra instituições financeiras

17-Year-Old-Behind-Norway-DDoS-Attacks-this-Week-450391-2

Na semana passada, a polícia norueguesa prendeu um homem de 17 anos acusado de realizar ataques DDoS contra grandes instituições financeiras e outros negócios no país.

O adolescente alegou ser um membro da equipe norueguesa anônima, que, no entanto, rejeitou as alegações, negando qualquer conexão com ele ou os ataques DDoS, em uma mensagem no Twitter.

No dia do ataque, o adolescente enviou uma carta à mídia, declarando que ele era membro do Anonymous e dizendo que “O motivo por trás dos ataques de hoje e dos futuros ataques é despertar a comunidade. O número de ataques em larga escala à segurança de TI está aumentando constantemente e nenhuma medida está sendo tomada para evitar esses incidentes “.

Após sua prisão, o adolescente cooperou com as autoridades e esclareceu a natureza de suas ações. Seu advogado disse que “ficou triste pelo fato de ter causado tudo isso e aberto seus documentos sobre a mesa”.

O ataque DDoS, realizado na terça-feira passada, foi considerado um dos maiores ataques na Noruega e aproveitou o vulnerável recurso “pingback” do WordPress.

O ataque teve como objetivo interromper os serviços on-line das principais instituições financeiras da Noruega (Norges Bank, Sparebank 1, Storebrand, Gjensidige, Nordea, Danske Bank), além de outras empresas como a Scandinavian Airlines (SAS) e Norwegian Air.

A Telenor, a maior empresa de telecomunicações do país, também foi afetada pelo ataque.