Nokia, a parceria histórica retorna com a ZEISS

Os pr√≥ximos smartphones Nokia eles v√£o usar lentes ZEISS para c√Ęmeras Anunciar √© o mesmo HMD Global atrav√©s de Arto Nummela, CEO da empresa. Ent√£o a parceria que ele tem retorna contribuiu para os anos dourados da empresa finlandesa, muitas vezes conseguindo ser decisivo no desempenho fotogr√°fico dos v√°rios telefones celulares. Uma opera√ß√£o que tamb√©m tem implica√ß√Ķes em termos de imagem.

Nokia ZEISS

“Cooperar com ZEISS isso nos permitir√° oferecer a melhor experi√™ncia poss√≠vel aos nossos usu√°rios. Queremos que nossos clientes n√£o apenas tenham uma c√Ęmera grande, mas tamb√©m que possam tirar fotos que possam redefinir os padr√Ķes de qualidade. Isso ser√° poss√≠vel co-desenvolvendo o setor fotogr√°fico com ZEISS“disse Arto Nummela.

Palavras que n√£o deixam espa√ßo para interpreta√ß√£o, esclarecendo como a colabora√ß√£o ser√° profunda como no passado e n√£o apenas da fachada. Nesse sentido, √© √ļtil lembrar como essa parceria conseguiu dar um salto real em qualidade, no campo fotogr√°fico, a toda uma gera√ß√£o de telefones comuns, sem esquecer os produtos mais recentes, como o Lumia 1020 (com a ic√īnica c√Ęmera de 41 MP).

Leia também: Nokia e Xiaomi, uma parceria para conquistar o mercado

Claro que no momento Nokia poderia contar com uma divisão de pesquisa e desenvolvimento de primeira ordem, posteriormente esvaziada pela aquisição pela Microsoft. Portanto, é evidente como essa parceria renovada com ZEISS levará tempo para trazer efeitos significativos sobre o que será o próximo smartphone da empresa finlandesa.

Nokia ZEISS

Por outro lado, é um importante retorno de imagem. Uma das grandes perplexidades que surgiram em torno da operação de HMD Global relançar a marca Nokia foi precisamente a de conseguir ou não recuperar as características distintivas que determinaram o sucesso da empresa finlandesa durante os anos dourados.

Leia também: Edição Nokia 3310 2017 pode em breve ter empresa

Nesse sentido, poder contar com a colaboração de ZEISS representará um golpe importante em relação ao apelo a ser exercido sobre os clientes. Mais uma demonstração de como a estratégia por HMD Global é baseado em um projeto seriamente estruturado, no qual o efeito nostalgia representa um elemento central em uma perspectiva de marketing.

Nokia ZEISS

Uma situa√ß√£o consistente com o que foi declarado pelo mesmo HMD Global ontem, sobre a possibilidade de lan√ßar novas edi√ß√Ķes de outros modelos hist√≥ricos Nokia, dados os resultados obtidos com o 3310 2017. Em suma, com Lenovo que relan√ßou recentemente a marca Motorola, o mercado de telefonia poder√° em breve recuperar alguns dos protagonistas hist√≥ricos.


Tom’s Recommend

o Huawei P10 Lite é a versão enfraquecida da atual gama superior da empresa chinesa. Possui 4 GB de RAM, tela Full-HD e excelente valor ao dinheiro.