Microsoft, Windows 10 e a nova era no mercado de smartphones

A Microsoft planeja seu relançamento no mercado de smartphones. É isso que emerge de alguns rumores espalhados online hoje, que viriam de fontes dentro da empresa. O pivô disso estratégia será obviamente Windows 10, embora ainda não esteja claro em qual declinação. Desta vez, o Colossus of Redmond terá que montar um projeto capaz de representar concretamente uma alternativa ao iOS é Android.

Dois relatórios foram divulgados hoje que oferecem perspectivas diferentes para Microsoft. O primeiro foi feito por Paul Thurrott um dos jornalistas mais respeitáveis ​​quando se trata da Microsoft, e ele fala sobre um Windows 10 Mobile completamente renovado, com uma interface diferente e até um novo parque de aplicativos, com a redução da compatibilidade com versões anteriores dos aplicativos antigos para telefone do Windows escrito em luz cinza. Mas isso não é tudo.

polegar do telefone mĂłvel windows 10

O mesmo relatório também fala de um smartphone sendo testado. Poderia ser o muito comentado Telefone de superfície, uma espécie de lenda que pairava há anos Microsoft. Segundo Thurrot, esse seria o dispositivo com o qual a empresa Redmond tentaria seu relançamento no setor de dispositivos móveis, obviamente com a nova versão do Windows 10 Mobile.

Leia também: Windows 10 e SoC ARM, primeiros PCs chegando no final deste ano

Ao lado dessa hipótese, no entanto, um segundo relatório foi divulgado hoje, desta vez produzido pela revista Neowin. Novamente, fontes internas são citadas como Microsoft, segundo o qual o futuro da empresa no setor de smartphones será representado por Windows 10 em sua versão completa, graças à compatibilidade com i SoC ARM.

Windows 10 ARM

Além disso, este segundo relatório concorda que o gigante de Redmond está testando um novo smartphone, no qual, no entanto, haveria execução Windows 10 no processador ARM, todos usando C shell (Composable Shell) ou uma interface gráfica capaz de se adaptar às telas dos PCs de mesa e aos dispositivos móveis.

Com isso em mente, Windows 10 Mobile começaria sua aposentadoria definitiva. O ramo atual de desenvolvimento feature2 seria, portanto, o final, não lançando mais atualizações. Uma situação que parece análoga ao que aconteceu com Windows Phone 7.8, que representava uma espécie de ato final para dispositivos não considerados adequados para execução Windows Phone 8.

Convite de lançamento do Microsoft Windows Phone 8

Mas onde está a verdade entre os dois cenários? Nesse sentido, é necessário relembrar a entrevista realizada no início de maio pelo CEO Microsoft. Satya Nadella. Naquela ocasião, ele confirmou seu desejo de permanecer no setor de smartphones, propondo, no entanto, dispositivos diferentes, caracterizados pelo mesmo impulso inovador do primeiro Superfície, que deu o impulso definitivo ao setor 2 em 1.

Leia também: Microsoft irá produzir novos smartphones, palavra do CEO Nadella

Declarações certamente alinhadas com o segundo cenário, o de um cenário hipotético Telefone de superfície baseado em SoC ARM e com a bordo Windows 10 com C shell. Uma perspectiva que permitiria abrir novos cenários em termos funcionais, especialmente no que diz respeito aos aplicativos que podem ser instalados em um dispositivo móvel.

Telefone de superfĂ­cie Microsoft 3

Uma imagem que, entre outras coisas, se encaixa nas declarações de hoje emitidas pela Steve Ballmer, que criticou amargamente a recente estratégia de hardware da empresa Redmond. O ex-CEO Microsoft está convencido de que a parte do hardware representa a nova expressão dos serviços de software e espera que um modelo de negócios semelhante a esse possa ser estruturado maçã que, através da Iphone, conseguiu revolucionar o setor, também em termos econômicos.

Então essa poderia ser a resposta de Microsoft para iOS é Android. A estrada certamente não será fácil, considerando agora o duopólio estabelecido pelas criaturas de maçã é Google. Por outro lado, no entanto, a saturação do mercado de smartphones nos últimos anos pode representar a alavanca necessária para relançar os preços da empresa Redmond no segmento de dispositivos móveis.


Tom’s Recommend

o Lumia 950 XL é o mais recente phablet de gama alta, em ordem cronológica, produzido pela Microsoft. Equipado com Windows 10 Móvel, pode contar com uma câmera traseira de 20 MP com flash LED triplo.