LinkedIn quer se tornar Tinder para mentoria

mentor do linkedin

O Tinder dos profissionais parece querer criar o LinkedIn, onde membros mais jovens e ambiciosos poderão “combinar” com mentores que lhes darão dicas e sugestões.

A capacidade do Tinder de deslizar para decidir quem você gosta e quem não gosta e, em algum momento, encontrar alguém que se encaixa, muitas empresas tentaram tirar proveito, incluindo o LinkedIn da Microsoft.

Atualmente, esse recurso está sendo testado em vários mentores em São Francisco e na Austrália.

Aqueles que desejam pagar por essa função poderão escolher quem os abordará. Por exemplo, ele pode optar por ser abordado apenas por mentores no primeiro ou segundo ciclo de conhecidos ou por alguns que estão na mesma área que ele.

O LinkedIn espera que muitos empreendedores de sucesso desejem compartilhar suas experiências e conhecimentos com pessoas jovens e ambiciosas que estão tentando acelerar suas carreiras.

Dessa forma, o LinkedIn adicionará um recurso que os sites não competitivos possuem e dará aos usuários mais um motivo para passar o tempo no site enquanto procuram o emprego dos seus sonhos.

Fonte