LG leva TCL a tribunal por violação de patente 4G

LG entrou com uma a√ß√£o na Alemanha contra a TCL acusando-a de violar tr√™s de suas patentes relacionadas a redes 4G LTE para dispositivos m√≥veis. As alegadas viola√ß√Ķes dizem respeito a tr√™s √°reas principais: a redu√ß√£o da perda de transmiss√£o de pacotes, a redu√ß√£o da interfer√™ncia no processo de sincroniza√ß√£o e o controle do temporizador para a sincroniza√ß√£o dos uploads.

O fabricante sul-coreano alega que tentaram entrar em contato com a TCL para resolver a disputa, mas que acabou sendo forçado a prosseguir pelos canais legais. Não é o primeiro processo movido pela LG nesta área. No ano passado, ele caiu para o Wiko e, em 2017, para o BLU. No primeiro caso, os juízes se manifestaram a favor da empresa asiática, enquanto no segundo caso, houve um contrato de licença entre as duas partes.

A LG investe h√° muito tempo na inova√ß√£o de LTE e, quando necess√°rio, tomamos medidas para proteger esses ativos importantes “, disse Jeon Saeng-Gyu, vice-presidente executivo do Centro de Propriedade Intelectual da LG. “Como l√≠der em tecnologia LTE, temos a responsabilidade de garantir que a concorr√™ncia no setor ocorra de maneira justa e legal. Essas a√ß√Ķes visam proteger nossos investimentos e desafiar o uso ilegal de nossos ativos vitais e salvaguardar a competitividade do setor para futuras inova√ß√Ķes.

Além disso, a nota da empresa afirma que, de acordo com a TechIPm (empresa de pesquisa e consultoria em propriedade intelectual), a LG é a empresa que lançou além de patentes relacionadas à tecnologia 4G LTE e LTE-A no período entre 2012 e 2016. Estrada que continua a percorrer o 5G, onde Рpara o IPLytics Рparece já ter 11% das patentes padrão emitidas até o momento.