LG: Começa a produção em massa de telas plåsticas flexíveis

Durante anos, vimos telefones celulares mudarem de forma, tamanho, materiais de construção e características técnicas. O que permaneceu o mesmo é a tela com quase o mesmo design. Isso começou a mudar até certo ponto com dispositivos como o Samsung Galaxy Note Edge ou LG G Flex que usam material flexível em vez de vidro.

A LG Display quer dar um passo adiante com as telas flexíveis de plåstico OLED. No momento, o LG Flex 2 possui uma tela flexível, mas novamente uma camada muito fina de vidro é usada, o que reduz a possibilidade de dobrar em um raio de 75 mm. A partir de julho, no entanto, a LG começarå a produção em massa de telas feitas inteiramente de plåstico, o que significa que sua capacidade de dobrar serå dobrada para 30 mm.

AlĂ©m da flexibilidade, essas telas nĂŁo quebram, o que Ă© extremamente importante. Mas resta ver como a LG estĂĄ se saindo com a reprodução de cores e onde usarĂĄ as telas reconhecidamente impressionantes. O que vocĂȘ gostaria de ver?

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Displays OLED flexĂ­veis da LG

Fonte