iPhone X: o tempo de entrega melhorou, mas a demanda continua alta

iphone 8

A produção do iPhone X provou ser um assunto difícil para a Apple e o colocou no mercado um mês depois do iPhone 8 e iPhone 8 Plus, apesar de terem sido anunciados juntos em setembro.

Mesmo quando foi disponibilizado para compra no início de novembro, as peças do iPhone X eram bastante limitadas e a demanda era alta, com o tempo estimado de entrega do pedido atingindo 5-6 semanas.

Eventualmente, a Apple conseguiu acelerar a produção e aumentar os estoques, reduzindo o tempo de espera para 1-2 semanas. Portanto, quem encomendar o iPhone X este ano não precisará esperar até o próximo ano para obtê-lo. Recentemente, a disponibilidade foi estendida para 14 novos mercados, mas o tempo de espera não foi afetado.

Isso pode significar duas coisas: a demanda não é tão alta quanto era nos primeiros dias ou a Apple conseguiu atender ao aumento da produção.

De acordo com o analista da KGI, Ming-Chi Kuo, o segundo cenário é válido e é relatado que a Apple conseguiu resolver alguns problemas importantes que teve com a produção e atualmente são criados entre 450.000 e 550.000 iPhone Xs por dia. Antes do lançamento do iPhone X, a produção diária era de 50.000 a 150.000 peças.

Kuo estima que a Apple tenha apenas 2 a 3 milhões de unidades disponíveis no dia em que o iPhone X foi lançado. Ao aumentar a produção, a Apple pode enviar pedidos muito mais rapidamente do que nos dias anteriores e cobrir os mais novos.

Resta ver os números reais de vendas quando a Apple anunciar os resultados financeiros do trimestre, que incluirão a temporada de festas.