iPhone X: não é verdade que o Face ID venha com precisão reduzida

ID do rosto

Em um comunicado, a Apple negou um relatório da Bloomberg que dizia que o iPhone X seria reduzido a Face ID para atender à produção.

No in√≠cio do dia, um relat√≥rio da Bloomberg dizia que, como as pe√ßas que comp√Ķem os sensores da c√Ęmera para Face ID s√£o complexas, o processo de produ√ß√£o est√° atrasado.

Segundo a Bloomberg, por esse motivo e para responder à produção, a Apple decidiu simplificar as peças, algo que terá um impacto na precisão e no desempenho do Face ID.

Em comunicado ao The Verge, a empresa disse que a postagem era completamente falsa e que o Face ID teria uma precis√£o de 1.000.000: 1 como os planos originais da empresa e como anunciado.

O Verge, no entanto, diz que o post da Bloomberg pode n√£o ter sido completamente falso, j√° que a Apple decidiu relatar a precis√£o sozinha. No entanto, a publica√ß√£o afirmou que a empresa reduziu os padr√Ķes de qualidade para acelerar a produ√ß√£o.

No entanto, anteriormente, o The Wall Street Journal informou que partes dos sensores de Face ID estavam atrasando a produção.

O an√ļncio da Apple √© o seguinte:

“A empolga√ß√£o dos clientes com o iPhone X e o Face ID √© incr√≠vel e estamos ansiosos para v√™-lo em suas m√£os na sexta-feira, 3 de novembro.

O Face ID é um sistema de autenticação de usuário poderoso e seguro, incrivelmente fácil e intuitivo de usar. A qualidade e a precisão do Face ID não mudaram e continuam sendo 1 em 1.000.000 para desbloquear o iPhone com o Face ID.

A alegação da Bloomberg de que a Apple reduziu a precisão do Face ID é completamente falsa e esperamos que o Face ID seja o novo padrão para autenticação cara a cara.