iPhone, uma oportunidade econ√īmica para a Samsung

Samsung pretende produzir o SoC A12ou o processador que representará o coração pulsante do Iphone em 2018. A empresa sul-coreana fez investimentos significativos para torná-la operacional em pouco tempo o processo de produção a 7 nm, que será o novo padrão para CPUs dos smartphones de primeira linha. A estratégia é tirar proveito do enorme negócio gerado pela criatura de maçã, como também planejado por outras empresas.

A exist√™ncia de uma colabora√ß√£o entre Samsung e a empresa Cupertino √© bem conhecida. Come√ßando de iPhone 4, os processadores foram produzidos em grande parte pela empresa sul-coreana que, entre outras coisas, tamb√©m esteve envolvida na cria√ß√£o de mem√≥rias, c√Ęmeras, monitores e outros componentes menores. Uma parceria muito estreita, portanto, que se enfraquece desde 2014.

iPhone 4
iPhone 4

De fato, a partir de iPhone 6, Samsung foi quase completamente deposto da realização do SoC, confiado a TSMC, a maior fábrica independente de semicondutores do mundo, que também produziu exclusivamente o chip A10 Fusion montado a bordo iPhone 7 é 7 Plus.

Esta deposi√ß√£o parcial, tamb√©m decorreu da batalha judicial entre ma√ß√£ e a empresa sul-coreana em conex√£o com a viola√ß√£o de algumas patentes, inevitavelmente gerou uma desacelera√ß√£o econ√īmica na divis√£o Samsung que lida com a produ√ß√£o de componentes para smartphones.

iphone 8
Uma renderização do iPhone 8

Dada a demanda muito alta por Iphone provenientes do mercado, a estrat√©gia implementada pela Samsung √© investir fortemente em centros de produ√ß√£o, para poder oferecer tecnologia avan√ßada (i 7 nm precisamente), embora ainda consiga garantir o n√ļmero necess√°rio de SoCs e, assim, ma√ß√£ restabelecer a parceria.

√Č um modelo muito semelhante ao aplicado pela empresa sul-coreana na produ√ß√£o de Tela OLED. Samsung ele investiu bem US $ 3,3 bilh√Ķes em 2016 para melhorar a realiza√ß√£o desses pain√©is, e n√£o √© por acaso que o Edi√ß√£o para iPhoneou a variante de iPhone 8 que deve caber Tela OLED, ser√£o fornecidos exclusivamente por Samsung.

A aten√ß√£o para essa gama de smartphones tamb√©m √© compartilhada por outras realidades. Uma empresa como Lumentum, que esteve envolvido no desenvolvimento do C√Ęmera frontal 3D do iPhone 8, previu um aumento no volume de neg√≥cios, apenas no quarto trimestre de 2017, igual a 100 milh√Ķes de d√≥lares. Uma enormidade para uma empresa que fatura cerca de 700 milh√Ķes de d√≥lares por ano. Isso √© apenas para dar um exemplo entre os muitos fornecedores escolhidos por ma√ß√£.

Portanto, não é um oxímoro abordar Samsung e Iphone na mesma frase. A empresa sul-coreana está ciente de que a margem de expansão na venda direta de smartphones é cada vez mais estreita, essencialmente devido à saturação do setor. A possibilidade, portanto, de capturar uma fatia crescente dos negócios que gira em torno do principal dispositivo da empresa Cupertino, permitiria diversificar seus ganhos e se proteger de qualquer perda de liderança no mercado de telefonia.

smartphone sony xperia xz
A c√Ęmera Sony Xperia XZ

Neste sentido, Sony fez escola. A empresa japonesa gradualmente viu sua participação como fabricante de smartphones e fortaleceu seus negócios na criação de sensores fotográficos para telefones celulares, acumulando mais de 40% deste mercado em particular.