iPhone 6s: Como a Apple está aumentando a demanda por 64 GB

Com o aumento do tamanho dos dados e aplicativos, aumenta também a necessidade de mais capacidade. Com o iPhone 6s, a Apple decidiu manter a versão padrão em 16GB e recebeu muitos comentários críticos sobre ela. Por exemplo, as novas Fotos ao vivo (fotos de alguns segundos) requerem o dobro do espaço das fotos normais.

O fato de a Apple manter a versão com capacidade de 16 GB e a próxima de 64 GB, sem a opção de 32 GB, pode ser uma maneira de os usuários optarem por modelos maiores e mais caros. Portanto, a Apple ganha mais dinheiro vendendo os modelos mais caros, de modo que os 16 GB têm uma razão para existir por si só.

Por exemplo, na Grécia, o iPhone 6s 16GB custa 789 euros e o 64GB chega a 899 euros, respectivamente, o iPhone 6s Plus 16GB custa 899 euros, e a próxima versão com memória interna de 64GB custa 999 euros.

De acordo com uma pesquisa realizada pela RBC Capital Markets, a Apple parece estar indo muito bem para levar os usuários às versões mais espaçosas. No ano passado, o percentual de quem pretendia comprar iPhones com capacidade de 16 GB foi de 40% e este ano caiu para 33%.

Por outro lado, os modelos maiores foram menores em 2014, o modelo de 64GB, com 48%, enquanto os que pretendiam comprar o 128GB eram apenas 12%. Neste ano, esses percentuais foram de 51% e 16%, respectivamente. Isso, é claro, significa mais dinheiro para a Apple.

iPhone 6s