iPad 9.7, a partir de 359 euros, com suporte para Apple Pencil

A empresa Cupertino, por ocasi√£o do evento educacional ainda em andamento, lan√ßou a nova vers√£o do iPad 9.7. Comparado ao modelo apresentado em 2017, a grande novidade √© o suporte ao Apple Pencil, uma peculiaridade que, at√© hoje, continuava sendo prerrogativa da linha Pro. Tamb√©m neste caso, pre√ßos mais baixos do que os padr√Ķes nos quais os dispositivos do Empresa californiana.

Do ponto de vista t√©cnico, a nova vers√£o do iPad 9.7 √© baseada no Apple A10 Fusion SoC, por assim dizer, igual ao iPhone 7 e 7. Al√©m disso, na frente h√° uma tela retina (√© claro que 9,7 polegadas) com uma resolu√ß√£o de 2.048 x 1.536 pixels e uma c√Ęmera com suporte para FaceTime HD. Na parte traseira, a empresa Cupertino colocou um sensor de 8 MP, enquanto o Touch ID n√£o est√° faltando.

https://www.youtube.com/watch?v=ckEnOBpksGs

Esteticamente parece idêntico ao modelo do ano passado, com o invólucro unibody de metal usual. Das imagens divulgadas durante a apresentação, também parece haver uma ampla faixa de policarbonato na parte traseira da versão com conectividade 4G (suporte para redes LTE com velocidades de download de até 300 Mbps).

Como dito na abertura, porém, a grande novidade em comparação com a versão de 2017 é o suporte ao Apple Pencil. A funcionalidade da caneta, pelo menos de acordo com o que foi mostrado durante a apresentação, parece ser a do iPad Pro de primeira geração. No entanto, aguardamos mais detalhes a esse respeito.

f1522164380

A compatibilidade com o Apple Pencil (vendido separadamente por 99 euros) representa um recurso importante para o iPad 9.7. A caneta inteligente da empresa Cupertino certamente amplia seu potencial de produção, tanto que a apresentação desse novo modelo ocorreu em um evento educacional, com referência especial às escolas (que podem comprá-lo a um preço com desconto).

Não há falta de suporte para o ARKit, que abre toda uma gama de recursos educacionais que podem se basear na realidade aumentada. Finalmente, no que diz respeito à bateria, a Apple fala de uma autonomia de até 10 horas. Como sempre, nesses casos, um dado que deverá ser verificado no campo.

Preços e disponibilidade

O novo iPad 9.7 pode ser adquirido hoje em mais de 25 pa√≠ses (It√°lia inclu√≠da), com entregas para clientes e lojas j√° agendadas para esta semana. Come√ßa a partir de 359 euros (341,36 ‚ā¨ na Loja Educa√ß√£o) para a vers√£o de 32 GB de armazenamento somente Wi-Fi, para chegar a 489 euros (427,24 euros no Store Education) para a variante de 32 GB de mem√≥ria Wi-Fi + LTE interna.

f1522164708

Portanto, n√ļmeros mais baixos do que o modelo do ano passado, que come√ßou a partir de 409 euros. A empresa sediada em Cupertino, portanto, tenta o cart√£o de baixo custo (comparado com seus pr√≥prios padr√Ķes), maior poder de hardware e suporte para o Apple Pencil para conquistar novas a√ß√Ķes no mercado de smartphones, diferentes daqueles para os quais o iPad Pro foi projetado.