Intel: “sem atraso para o nosso modem 5G, em smartphones desde 2020”

O modem Intel XMM 8160 5G projetado para smartphones serå regularmente integrado aos dispositivos a partir de 2020. A gigante californiana, portanto, afasta os rumores de que a produção do chip em questão seria adiada, de modo a pressionar a Apple a buscar formas alternativas. De fato, a empresa Cupertino deve estar entre os principais clientes desse componente, com a lógica de integrå-lo aos iPhones do próximo ano.

O anĂșncio da Intel veio em um comunicado divulgado ao conhecido jornal VentureBeat. Enquanto os modems Qualcomm e Samsung de primeira geração agora estĂŁo alimentando os primeiros smartphones 5G do mundo, a Intel decidiu no ano passado bloquear seu primeiro modem 5G, o XMM 8060, e adiar o lançamento de sua versĂŁo de segunda geração para satisfazer melhores solicitaçÔes de clientes. O XMM 8160 deve funcionar a temperaturas mais baixas, consumir menos energia e suporta vĂĄrios tipos de redes, desde ondas milimĂ©tricas e sub-6GHz 5G atĂ© conexĂ”es 2G, 3G e 4G herdadas.

A intervenção da empresa Santa Clara não ocorre de maneira casual hoje. De fato, ontem, como relatamos em um artigo dedicado, uma indiscrição se espalhou segundo a qual Apple teria criado uma equipe de 100 engenheiros fazer um modem 5G em casa para ser integrado aos iPhones 2020, basicamente devido a atrasos hipotéticos da Intel na produção do modem XMM 8160.

Em resumo, exceto as mudanças na Ășltima hora, no prĂłximo ano deve ser o caminho certo para ver o primeiro iPhone 5G do mercado, equipado com o chip Intel apropriado. Veremos se o atraso em comparação aos concorrentes diretos invalidarĂĄ esta operação comercial, considerando como o mundo do Android Ă© jĂĄ estĂĄ propondo os primeiros smartphones compatĂ­veis com o novo padrĂŁo de rede em 2019.