Huawei, outro ano recorde: em 2018 o volume de neg√≥cios voa para 109 bilh√Ķes de d√≥lares

O avan√ßo da Huawei parece impar√°vel. A empresa chinesa passou por mais um ano de protagonista absoluto, com um faturamento que deve chegar a 109 bilh√Ķes de d√≥lares. Fala-se em um aumento de 21% em rela√ß√£o a 2017, conforme afirma o presidente da empresa Guo Ping. Um resultado ainda mais relevante considerando os problemas recentes com os Estados Unidos, que provavelmente se materializar√£o em 2019 no setor 5G.

O fato de a Huawei estar passando por um ano mais que positivo √© algo que j√° surgiu em rela√ß√£o √† previs√£o de vendas no campo de smartphones. De fato, como dissemos em um artigo anterior, a empresa chinesa deve tocar os 200 milh√Ķes de unidades embarcadas, consolidando ainda mais a segunda posi√ß√£o no ranking mundial de produtores, relegando definitivamente a Apple ao degrau mais baixo do p√≥dio.

Tudo isso em um contexto, o do mercado de smartphones, em que houve uma queda nas remessas em praticamente todo o ano de 2018. Nesse sentido, aguardamos os dados para o período de Natal que, considerando a situação geral, será particularmente importante para entender a tendência também em vista da primeira parte de 2019.

Mate 20 Pro à esquerda, Mate 20 à direita

Com o advento do 5G, A posição da Huawei poderia fortalecer ainda mais, considerando que a divisão usada em infra-estruturas de rede também está entre as primeiras do mundo. Em suma, o equilíbrio do setor de tecnologia parece estar cada vez mais mudado para o leste, com a China se preparando para ser um grande participante também em vista do próximo ano.