Huawei diz que o HongMeng OS não é para smartphones

Quando a Huawei foi fechada pelos Estados Unidos, ficou amplamente conhecido que a empresa estava preparando seu próprio sistema operacional HongMeng, que substituiria o sistema operacional do Google. Em uma entrevista anterior, o presidente da empresa disse que o HongMeng OS havia sido desenvolvido pela empresa há algum tempo, mas era voltado para produtos da Internet das Coisas (IoT).

Ele também se gabou em entrevistas de que o sistema operacional de sua empresa é mais rápido que o Android e o macOS. Hoje, Catherine Chen, vice-presidente sênior e membro do conselho da Huawei, revelou que o HongMeng OS não é para smartphones e que a empresa planeja continuar usando o Android do Google.

Além disso, ele disse que o sistema operacional desenvolvido pela Huawei é menos seguro que um sistema operacional móvel e tem latência extremamente baixa em comparação com um sistema operacional para smartphone.

Obviamente, isso contradiz outro relatório que afirma que o sistema operacional já está instalado em um milhão de dispositivos que a Huawei já enviou aos testadores. É possível que o Colossus chinês tenha decidido não usar o Hong Meng OS em smartphones depois que Donald Trump começou a relaxar a exclusão da empresa da América.

Nos últimos dias, a Huawei registrou uma nova marca comercial chamada Harmony OS, que pode ser o nome global do HongMeng OS.

Fonte