HMD Global pretende alta: novos smartphones Nokia com Snapdragon 710 e 845 em breve

HMD Global atĂ© o momento, focou-se no extremo mĂ©dio e baixo do mercado; as Ășnicas empresas de ponta sĂŁo o Nokia 8 e o Nokia 8 Sirocco, que, no entanto, estĂŁo equipados com hardware de Ășltima geração. No entanto, a empresa pretende trazer a marca Nokia de volta ao mercado, lançando de forma mais consistente dispositivos equipados com os processadores Snapdragon 710 e 845.

Para ser equipado com o Snapdragon 710 seria possĂ­vel herdeiro do Nokia 7 Plus, que competiria com o Ășnico outro smartphone atualmente equipado com o chip – lo Xiaomi Mi 8 SE. O Ășltimo Ă© vendido por US $ 285, um nĂșmero que o coloca firmemente no segmento de mĂ©dio mercado; precisamente esse intervalo seria aquele em que a Nokia tem mais interesse em estabelecer uma posição forte.

No entanto, não hå menos interesse em conquistar uma fatia do mercado high-end, com receitas relativamente melhores e com efeitos positivos na imagem da marca. Nesse segmento, a HMD Global estaria pensando em um dispositivo equipado com processador Snapdragon 845, com um cùmera com lentes Carl Zeiss essa especulação gostaria mesmo de ter um Zoom óptico de 5x.

Considerando a necessidade de atacar o mercado como uma nova marca, pelo menos no que diz respeito aos smartphones Android, não é improvåvel que a HMD Global queira apoiar o avanço da marca Nokia com preços particularmente competitivos em comparação com as ofertas específicas. Até agora, a estratégia parece ter valido a pena.