Gr Nanomedicina: A primeira plataforma de nanotecnologia grega

Gr Nanomedicina: plataforma de nanomedicina pela primeira vez na Grécia

Uma plataforma de nanotecnologia, que visa conectar institutos de pesquisa e universidades envolvidas em nanociĂȘncia com hospitais, mĂ©dicos e a indĂșstria farmacĂȘutica do paĂ­s, estĂĄ sendo criada pela primeira vez na GrĂ©cia.

Gr Nanomedicina: A primeira plataforma de nanotecnologia grega

“O objetivo da recĂ©m-criada plataforma grega de nanomedicina GR, que jĂĄ tem 70 membros, Ă© produzir produtos inovadores de nanotecnologia na prĂĄtica clĂ­nica”, explica Gr Nanomedicina, Dra. Barbara Karagiozakis.

O exposto acima foi enfatizado durante a conferĂȘncia internacional “Nanotecnologia 2015”, realizada pelo 12Âș ano consecutivo em SalĂŽnica (4-11 de julho, Porto Pallas Hotel), pelo LaboratĂłrio de Nanotecnologia do Departamento de FĂ­sica, AUTh.

Os 70 membros, que estĂŁo em constante crescimento, mostrando tambĂ©m o potencial para o desenvolvimento de produtos inovadores que o paĂ­s possui, incluem centros de pesquisa, universidades, hospitais e indĂșstrias farmacĂȘuticas.

“HĂĄ alguns dias, fui convidada pela ComissĂŁo como representante da GrĂ©cia para a nanociĂȘncia, para apresentar esta nova plataforma, que estĂĄ sob os auspĂ­cios da rede NANONET.

O Nanonet, criado em 2003 pelo Ltfn Nanotechnology Laboratory da Universidade AristĂłteles de Thessaloniki, sob a tutela do professor S. Logothetidis, ainda tem 370 membros ativos em todo o mundo, trocando informaçÔes diĂĄrias sobre nanociĂȘncia e nanotecnologia ”, explica Karagio. .

Note-se que em 8 de julho, no Ăąmbito da conferĂȘncia, serĂĄ realizada a primeira reuniĂŁo dos colaboradores da plataforma.

Gr Nanomedicina: A primeira plataforma de nanotecnologia grega“O objetivo da recĂ©m-criada plataforma grega de nanomedicina GR, que jĂĄ tem 70 membros, Ă© produzir produtos inovadores de nanotecnologia na prĂĄtica clĂ­nica”, explica Gr Nanomedicina, Dra. Barbara Karagiozakis.

Fonte: AMPE