GIMP 2.10 & egrave; lançado oficialmente: multi-thread, processamento GPU e muito mais

Finalmente √© oficial, ap√≥s seis anos de desenvolvimento, GIMP 2.10. O conhecido programa de c√≥digo aberto para editar e criar imagens chega, portanto, a uma nova vers√£o est√°vel que finalmente entrega muitas inova√ß√Ķes h√° muito esperadas nas m√£os dos usu√°rios.

O primeiro √© sem d√ļvida ointerface de usu√°rio, renovado e agora capaz de suportar v√°rios temas j√° inclu√≠dos na configura√ß√£o b√°sica: destacam-se a presen√ßa de um tema sombrio e novos temas de √≠cones monocrom√°ticos. Tamb√©m h√° suporte para telas de alta densidade (HiDPI).

GIMP 2.10

GIMP 2.10 no KDE neon (instalado como Flatpak)

Muito mais significativo, porém, são os progressos realizados com GEGL, a biblioteca de processamento de imagens cujo desenvolvimento começou com o GIMP 2.6; O GEGL agora cuida do gerenciamento de todos os blocos e constrói um gráfico acíclico para cada projeto: o objetivo é obter um editor com mudanças não destrutivas para a versão 3.2. Os benefícios já presentes agora incluem o suporte multi-thread e emProcessamento de GPU (com OpenCL).

Agora √© poss√≠vel definir m√°scaras em grupos de camadas, gra√ßas a um novo gerenciamento da mesma, al√©m de ter uma sele√ß√£o autom√°tica mais precisa em casos lim√≠trofes, como cabelos. Entre as novidades para os artistas, encontramos a possibilidade de usar filtros como o espelho e a repeti√ß√£o ‚Äúazulejo‚ÄĚ de um motivo (lado a lado); os fot√≥grafos, por outro lado, podem contar com filtros como exposi√ß√£o, sombras e luzes, passa-alta, wavelet de decomposi√ß√£o, proje√ß√£o panor√Ęmica. O GIMP 2.10 introduz a modifica√ß√£o de fotografias panor√Ęmicas.

O GIMP 2.10 est√° dispon√≠vel para todas as principais plataformas (Windows, macOS, Linux). Mais detalhes podem ser encontrados no an√ļncio oficial do projeto.