George Prosoparis: “Hacker”, o treinador ped√≥filo de cr√≠quete em Corfu!

george.prosoparis George Prosoparis √© o nome do treinador ped√≥filo que foi preso pela pol√≠cia ap√≥s uma queixa de uma m√£e pelos atletas da equipe de cr√≠quete, que contou √† pol√≠cia o que estava acontecendo entre o treinador e o filho. De acordo com os dados que vieram √† luz, o George Prosoparis, treinador greco-australiano com cidadania brit√Ęnica, ele se aproximou <‚Ķ>

o atleta menor de idade desde 2011, a fim de satisfazer seu apetite sexual, dando-lhe de 20 a 100 euros por vez.

Preservativos usados, aparelhos er√≥ticos, uma c√Ęmera com uma c√Ęmera embutida embutida, tr√™s laptops e um computador de linha fixa, um fuzil de ar flex√≠vel, discos r√≠gidos, pen drives e outras m√≠dias de armazenamento digital foram encontrados em sua casa, que ser√£o enviados para um laborat√≥rio para investigar a exist√™ncia de material pornogr√°fico infantil.

Quando o homem de 48 anos viu homens da Corfu Security, ele alegou que era a primeira vez que havia sido preso, mas, segundo o relat√≥rio, n√£o foi a primeira vez que ele foi preso em 2000 por recrutar um menor on-line. para fins de explora√ß√£o sexual. Naquela √©poca, sua “v√≠tima” n√£o estava na Gr√©cia, mas em Los Angeles.

Por raz√Ķes de prote√ß√£o da sociedade como um todo e devido √† natureza hedionda de suas a√ß√Ķes, apresentamos suas fotografias Georgios Prosoparis:

george.prosoparis.2

george.prosoparis

george.prosoparis.3

Voc√™ pode encontrar o perfil do ped√≥filo no Facebook [őĶőīŌé]

O perfil do ped√≥filo no Twitter est√° localizado [őĶőīŌé]

Vale ressaltar que, de acordo com relatos da SecNews, o treinador ped√≥filo do Cricket em Corfu tinha um interesse especial em ci√™ncia da computa√ß√£o e, especificamente, com seguran√ßa online tentando obter as certifica√ß√Ķes relevantes a longo prazo. Como ele afirmou, mesmo nos hot√©is em que ficou no torneio da escola e no treinamento de cr√≠quete, ele estava constantemente ocupado com esse assunto.

Al√©m disso, como a pesquisa da SecNews revela George Prosoparis trabalha como administrador (Administrador de TI) na Empresa P√ļblica de Abastecimento de √Āgua e Esgoto de Corfu (DEYA Corfu) enquanto tamb√©m trabalhou na Austr√°lia. A Empresa P√ļblica de Abastecimento de √Āgua e Esgoto de Corfu est√° ciente das atividades de seus funcion√°rios e, em caso afirmativo, o computador que trabalha na empresa foi investigado quanto a material utiliz√°vel relevante?

Al√©m disso, o ped√≥filo George Prosoparis usou todas as m√≠dias sociais para manter contato com suas v√≠timas e assedi√°-las. As autoridades de acusa√ß√£o devem levantar imediatamente a confidencialidade das contas do ped√≥filo George Prosoparis, como mencionado acima, a fim de identificar outras v√≠timas de pedofilia e as comunica√ß√Ķes que ele fez atrav√©s da m√≠dia social com os atletas de suas v√≠timas. De acordo com relatos da imprensa que precisam ser investigados pelas autoridades judiciais competentes, Sua atividade de m√≠dia social literalmente revelar√° um “tesouro” de informa√ß√Ķes valiosas sobre suas atividades.

O treinador de 49 anos, uma figura bem conhecida em Corfu, ele alegou estar trabalhando em estreita colabora√ß√£o com a pol√≠cia e, de fato, ele os estava orientando a localizar uma espiral que roubava m√°quinas e, de fato, com suas pr√≥prias a√ß√Ķes de coleta de dados, a espiral foi desmontada no in√≠cio de maio!

O ped√≥filo de 49 anos, especialista em computadores, estava tentando ocultar informa√ß√Ķes e dados que revelariam suas a√ß√Ķes devido ao seu n√≠vel de conhecimento. A acusa√ß√£o policial e as autoridades judiciais sabem que somos informados das dimens√Ķes do caso e o investigamos em profundidade, pois parece ter “finais” em grupos ped√≥filos com atividade internacional!