GameShell: o clone hack√°vel do GameBoy que n√£o tem limites

Game BoyQuando se trata de consoles portáteis de jogos, a primeira coisa que vem à mente é o Nintendo Switch. Mas lembremos também do GameBoy, que era o sonho de toda criança (e não apenas) nos anos 90!

Hoje, os simuladores nos permitem jogar todos esses jogos em nosso computador. Mas ainda assim, eles perdem aquele sentimento especial que Gameboy lhe deu. E é aí que entra o ClockworkPi GameShell Рum console portátil personalizado que funciona como Gameboy, mas possui tecnologia que pode ser explorada ainda mais.

Como é jogar no GameShell?

O Gameshell combina todos os consoles que amamos em um √ļnico dispositivo. Uma das coisas mais interessantes √© que o popular simulador multifuncional RetroArch vem pr√©-instalado no dispositivo. Isso significa que voc√™ pode jogar todos os jogos cl√°ssicos dos maiores consoles da hist√≥ria: Atari, GB, GBA, NES, SNES e muito mais.

Sua estética

A frente do GameShell se parece exatamente com o GameBoy Advance: um belo monitor LCD de 2,7 polegadas com resolu√ß√£o de 320 x 240. Um D-pad, bot√Ķes e pequenos orif√≠cios para o alto-falante est√©reo de dois canais.

Na parte traseira do dispositivo, você verá a placa ClockworkPi esteticamente agradável, localizada dentro de uma concha transparente. O GameShell ainda oferece adesivos nas costas.

Falando da carca√ßa GameShell, o dispositivo √© fornecido com um inv√≥lucro externo extra, caso voc√™ queira usar o m√≥dulo Light Key: quatro bot√Ķes extras na parte traseira.

O que significa “hackable”?

Como mencionado acima, a tecnologia oferecida pela Gameshell pode ser usada e mais. √Č alimentado pelo Clockwork OS, que √© um sistema operacional baseado em GNU / Linux. Al√©m disso, √© um dispositivo montado. Portanto, o GameShell est√° pronto para a experimenta√ß√£o.

Devido ao seu design, o GameShell permite aos usuários modificar livremente o software ou até instalar um novo, como Debian ARM, Raspbian OS e mais. Até unidades internas podem ser usadas para uma finalidade diferente, como criar um alto-falante DIY sem fio ou programar um controle remoto para controlar dispositivos ou até criar jogos inteligentes Рnão há limite para o que você pode fazer com ele.

O que mais você precisa saber?

Deixando de lado os jogos e os outros recursos que ele oferece, o ClockworkPi Mainboard 3.1 também é importante, que por si só é uma poderosa plataforma de computador. O bloco, que geralmente é comparado ao Raspberry Pi Modelo B2, vem com um processador Quad-core Cortex-A7 e 1 GB de RAM DDR3.

Al√©m das especifica√ß√Ķes muito boas, tamb√©m possui Bluetooth, WiFi, sa√≠da Micro HDMI e um cart√£o MicroSD de 16 GB – que aprimoram a experi√™ncia de jogo no GameShell.

No entanto, você deve ter em mente que não pode aproveitar facilmente as oportunidades que ela oferece. Você precisa fazer sua pesquisa para obter algum conhecimento sobre Linux, comandos e muito mais, se você ainda não os possui.

O GameShell vem com uma bateria recarreg√°vel de 1200 mAh. Existem diferentes fun√ß√Ķes de fonte de alimenta√ß√£o para o console, como Equilibrado, Economia de energia e Desempenho.

Al√©m disso, h√° um music player no GameShell. A m√ļsica soa bem por causa dos alto-falantes est√©reo, mas voc√™ precisa transferir arquivos de m√ļsica para ele.

Vale a pena comprar?

Atualmente, o Kit GameShell custa US $ 159. No entanto, se vale a pena comprar depende de você. Os consoles da velha escola, como o Sony PlayStation One e o Sega Genesis, ainda estão disponíveis em alguns lugares, mesmo que as empresas parem de fabricá-los. E a maioria deles tem um preço mais baixo. Quanto à simulação de outros consoles, seu computador pode fazê-lo facilmente.

Dito isto, vale a pena comprar o GameShell porque ele pode fazer tudo o que foi dito acima, em forma de bolso Рassim como o GameBoy Advance. E o fato de os usuários com conhecimento de tecnologia poderem desenvolver jogos e jogá-los neste dispositivo móvel torna ainda mais maravilhoso.