Galaxy S8, sua tela é recorde!

o Galaxy S8 est√° equipado com a melhor tela do setor de smartphones. √Č isso que emerge da an√°lise t√©cnica realizada por Display Mate, ponto de refer√™ncia no que diz respeito √†s telas. Samsung portanto, parece ter conseguido dar um salto qualitativo adicional em compara√ß√£o com o j√° excelente trabalho realizado com o Galaxy S7.

Comparado com o antecessor, a tela do Galaxy S8 √© 18% maior considerando as dimens√Ķes gerais da parte frontal. Isso foi poss√≠vel gra√ßas √† ado√ß√£o do design sem fronteiras, obtendo o mesmo Samsung definiu-o como Infinity Display. A imers√£o maior √© inevit√°vel, bem como uma clara melhoria dos √Ęngulos de vis√£o.

Samsung Galaxy S8 12 1030x615
Os √Ęngulos de vis√£o da tela do Galaxy S8

A tela do Galaxy S8 √© um Super AMOLED QHD +isto √©, 1.440 x 2.960 pixels com 570 PPI. √Č uma resolu√ß√£o um pouco mais alta que o QHD padr√£o (1.440 x 2.560), uma escolha essencialmente ditada pela nova propor√ß√£o de 18,5: 9, devido ao design sem bordas. Isso significa que o smartphone √© um pouco mais alongado que a m√©dia.

Os técnicos de Display Mate detectaram um brilho de 1.000 lêndeas, dados de nível absoluto. Muito interessante é a presença de um sensor de brilho duplo, uma solução já adotada pela Samsung no mercado. Galaxy Note 7, e que ajuda na perfeita visibilidade em praticamente qualquer condição ambiental.

Ecr√£ Infinito Samsung Galaxy S8
Tela infinita do Galaxy S8

O painel do Galaxy S8 também cobre uma porcentagem da 113% do espaço de cores DCI-P3 e 142% desse sRGB. Tudo isso, combinado com o suporte HDR Premium, permitiu à empresa sul-coreana obter a fidelidade máxima da gama de cores, um aspecto que no passado representava um ponto fraco da Super AMOLED, enquanto é possível definir a temperatura da cor via software.

Por outro lado, uma discussão separada sobre o consumo de energia, que não difere da dos Galaxy S7. Samsung melhorou a eficiência em 10% nesse sentido, um passo adiante, porém contrabalançado pela extensão do espaço de cores. Na pendência de nossa revisão, na qual adiamos qualquer consideração aprofundada sobre autonomia, ainda é possível dizer como o Galaxy S8 testemunhar, em relação à bateria, resultados muito próximos dos do antecessor.

Ecr√£ de gama de cores Galaxy S8
A gama de cores da tela do Galaxy S8

A bateria de 3.000 mAh (mesma capacidade que o Galaxy S7) al√©m disso, ele n√£o pode fazer milagres em compara√ß√£o com os dados do ano passado, considerando, entre outras coisas, o aumento consider√°vel na diagonal da tela, aumentou de 5,1 polegadas para os atuais 5,8. As dimens√Ķes gerais falam de um dispositivo pertencente ao segmento de smartphones (e n√£o de phablets), e Samsung ele argumentou precisamente deste ponto de vista.

Display Mate conclui sua análise coroando a tela do Galaxy S8 como o melhor mercado de smartphones, pelo menos no estado atual das coisas. A empresa sul-coreana confirma, portanto, que os monitores representam uma força de sua oferta para dispositivos móveis, uma peculiaridade que também pode ser apreciada em Galaxy de gama média.

iPhone 8 Cofffncept
Um conceito do iPhone Edition

Ser√° muito interessante fazer uma compara√ß√£o com Edi√ß√£o para iPhoneou uma das tr√™s variantes de iPhone 8 que, com exce√ß√£o das distor√ß√Ķes, deve ser o sem bordas da tela OLED. O abandono da tecnologia IPS LCD representar√° um momento decisivo para produtos ma√ß√£, com a empresa Cupertino que normalmente pensa nesse tipo de op√ß√£o com sabedoria.

Além desses detalhes, no entanto, e aguardamos ansiosamente nossa revisão completa, Samsung parece ter conseguido, mais uma vez, fazer uma das melhores faixas de topo do ano. Uma resposta necessária ao caso de Galaxy Note 7, que reiterou que a empresa sul-coreana tem tudo o que precisa para permanecer no topo novamente.