Facebook, Twitter e Instagram: Remova os vídeos de violação de direitos autorais de Trump

O presidente dos EUA, Donald Trump, entrou em conflito com o Twitter nos últimos dias, após um tweet de Trump que foi descrito pela plataforma como “sem fundamento”. Alguns dias depois, soube-se que o presidente dos Estados Unidos estava preparando uma ordem executiva para as mídias sociais, no entanto, apenas o Twitter tomou uma posição na declaração de Trump, com o Facebook e o Instagram sendo deixados de fora da controvérsia.

Trump postou um vídeo de quatro minutos em seu site de mídia social como parte de sua campanha e após sua reclamação DMCA, Facebook, Twitter e Instagram removeram o vídeo. Este vídeo continha imagens do assassinato do afro-americano, George Floyd. O vídeo de Trump teria sido removido das mídias sociais por violação de direitos autorais.

O quarto vídeo da campanha de Trump ainda está disponível no YouTube, pois, de acordo com a plataforma, não há queixas do DMCA. No Twitter, Trump escreveu que o vídeo foi removido ilegal, com o CEO do Twitter respondendo oficialmente ao tweet do presidente.

Fonte