Facebook 15 anos: a histĂłria com imagens do original

O Facebook fez 15 anos hoje. Em vez de cantar “parabĂ©ns”, vamos fazer uma viagem Ă  mĂĄquina Wayback para ver como as coisas mudaram no Facebook.com ao longo dos anos.

Antes que a idéia de Mark Zuckerberg lhe ocorresse antes mesmo de ele ir para a Universidade de Harvard em 2004, o Face Book era um panfleto com fotos de todos os alunos e seus nomes. O objetivo do panfleto era se conhecer.

Agora, Ă© claro, o Facebook Ă© a maneira pela qual podemos evitar o contato cara a cara com outras pessoas.

Vamos ser sinceros: estamos todos no Facebook. Abaixo estĂĄ uma foto da tecnĂłloga Natalie Rojas “Faces of Facebook”:

Abaixo, veremos como a pĂĄgina de conexĂŁo do Facebook mudou ao longo dos anos.

Quando foi lançado oficialmente em 4 de fevereiro de 2004, a maioria de nós usava o serviço AIM e depois veio Zuckerberg no Facebook. O primeiro Facebook foi no domínio .facebook .com.

FacebookA pĂĄgina inicial dizia “Uma produção de Mark Zuckerberg”, enquanto a pĂĄgina “InformaçÔes” pode ser vista abaixo:

Quando Sean Parker chegou ao Facebook, ele pediu a Zuckerberg para remover “The” do nome da empresa. Zuckerberg nunca quis isso, segundo informaçÔes, mas ele comprou o Facebook.com em 2005 e o usou.

Inicialmente, a aparĂȘncia do site permaneceu inalterada. Mas mais tarde naquele ano, a empresa removeu “The” de seu nome:

Em 2004, o Facebook era um site de rede social para faculdades, mas atĂ© 2005, como vocĂȘ pode ver abaixo, havia “dois Facebooks: um para a faculdade e outro para o ensino mĂ©dio.

A rede social fez sua primeira grande mudança em 2007. Foi então que o Facebook finalmente deixou de ser uma associação social exclusiva para estudantes e abriu suas portas para todos:

Quando Mark Zuckerberg se tornou bilionĂĄrio em 2008, ele decidiu remover “uma produção de Mark Zuckerberg” da parte inferior do site:

A partir de 2009, as alteraçÔes de pågina foram mais simples, a empresa utiliza apenas imagens e formulårios de login. Veja as fotos:

Goste ou nĂŁo, o Facebook Ă© sem dĂșvida a “coisa” mais popular na histĂłria da humanidade. Pelo menos atĂ© que seja encontrada a prĂłxima grande novidade que a substituirĂĄ.