Espionagem de dados do telefone

De acordo com o zougla.gr, foi aberto um processo contra um morador de 34 anos de Arta e um morador de 44 anos de Volos, pela Promotoria do Cibercrime por interceptar o banco de dados eletrĂŽnico de um conhecido Serviço de Informação de CatĂĄlogo TelefĂŽnico da GrĂ©cia e vendĂȘ-lo on-line por meio de aplicativos on-line. para proprietĂĄrios de celulares.

Em particular, apĂłs denĂșncias de uma empresa anĂŽnima de Internet e serviços digitais Ă  Promotoria de Cibercrime, de que autores desconhecidos roubam sistematicamente seu banco de dados eletrĂŽnico, um caso foi arquivado.

ao abrigo do qual foram emitidas disposiçÔes e parlamentos para o levantamento do sigilo das comunicaçÔes.

A investigação on-line de crimes cibernĂ©ticos da polĂ­cia, realizada como parte das instalaçÔes para o levantamento do sigilo relevante, confirmou os rastros eletrĂŽnicos, bem como os dados de identidade das pessoas envolvidas, onde foi constatado que os dois autores cometiam sistematicamente e ilegalmente extrair o conteĂșdo do banco de dados eletrĂŽnico da empresa pĂșblica acima mencionada.

Ao mesmo tempo, eles criaram um aplicativo ilegal que, com base no banco de dados de informaçÔes da lista telefĂŽnica, era vendido on-line a proprietĂĄrios de telefones celulares, como “smartphones”.

Após uma operação coordenada por policiais da acusação de crimes cibernéticos, ontem de manhã, uma investigação foi realizada na presença de um promotor nas casas dos dois moradores, em Volos e Arta, onde foram encontrados e confiscados no total:

‱ Um computador eletrînico ‱ Um disco rígido externo para computador ‱ Um disco rígido interno para computador

A perda financeira calculada para os atos ilegais acima mencionados, de acordo com a estimativa mĂ­nima da empresa acusada, varia no valor de 3.600.000 euros, parte da qual Ă© uma perda para o Estado grego.

Os autores, acusados ​​de invasĂŁo de sistemas de computadores, fraude de computadores e violaçÔes das leis de direitos autorais e de marca registrada, nĂŁo foram presos por exceder os limites da rodovia.

Fonte: minotavrs.blogspot.com