Chip de computador que se autodestrói em 10 segundos

Chip de computador autodestrutivo? Voc√™ pode ter visto cenas dos filmes de espionagem “Miss√£o Imposs√≠vel”, onde toda vez que Tom Cruise recebe uma mensagem secreta, as √ļltimas palavras gravadas s√£o “Esta mensagem se destr√≥i em 5 segundos” e őüő• BOOM!

H√° uma explos√£o repentina, a fuma√ßa sai do dispositivo e as informa√ß√Ķes sens√≠veis que existiam alguns segundos atr√°s s√£o destru√≠das para sempre.

chip de autodestruição

Este cenário de autodestruição pode ter se tornado realidade. O Palo Alto Research Center Incorporated (PARC), uma subsidiária da Xerox, desenvolveu com sucesso para a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada em Defesa (DARPA) o programa Vanishing Programmable Resources (VAPR) que prevê a autodestruição do chip de computador a pedido de seu operador. , dentro de 10 segundos.

Agora, por iniciativa da DARPA, o projeto em breve se tornar√° realidade e ser√° destinado principalmente ao pessoal militar.

O PARC apresentou esta incr√≠vel tecnologia no “Wait, What?” da DARPA em St. Louis, como parte do projeto VAPR.

O modelo original de construção de circuitos integrados (IC) concentra-se principalmente em duas tecnologias, a saber:

  • Tecnologia transit√≥ria
  • Tecnologia DUST – Desintegra√ß√£o ap√≥s acionamento por libera√ß√£o de estresse (tecnologia SCONI do zero)
  • O chip √© projetado em um substrato de vidro Gorilla capaz de quebrar a pedido do propriet√°rio em milh√Ķes de pe√ßas que n√£o podem ser reconstru√≠das posteriormente. √Č o mesmo vidro usado como uma capa protetora em smartphones.

    Uma equipe de pesquisadores de segurança do Parc no evento em St. Louis mostrou (veja o link abaixo) como uma luz laser ativa o circuito de autodestruição. Também pode ser ativado por um sinal de RF (radiofrequência) ou por um simples interruptor físico.

    “A destrui√ß√£o completa de dispositivos eletr√īnicos pode ser usada para seguran√ßa militar, prote√ß√£o de dados pessoais e ci√™ncia ambiental”, afirmou o PARC em comunicado.

    A DARPA financiou o PARC com US $ 2.128.834 para o projeto VAPR.

    Não é a primeira vez que essa tecnologia é desenvolvida. A DARPA concedeu à IBM US $ 3.455.473 em dezembro de 2014 por uma pesquisa semelhante.

    Portanto, é muito provável que em breve vejamos a idéia de um chip que pode se autodestruir, uma realidade.

    Assista ao vídeo de demonstração abaixohttps: //www.youtube.com/watch? V = TYjiUQgyNu8