CEO da Samsung admite que o Galaxy Fold foi lançado antes do tempo

O Galaxy Fold é o primeiro smartphone dobrável da Samsung e deve ser um produto de sucesso para os consumidores entenderem e se convencerem da utilidade da nova tecnologia. Infelizmente, seu primeiro lançamento não correu bem, pois as telas dobráveis ​​dos painéis OLED começaram a quebrar e mostrar problemas.

A Samsung retirou imediatamente todos os dispositivos Galaxy Fold dos proprietários para corrigir o problema. Um mês depois, a empresa sul-coreana conseguiu corrigir grande parte dos problemas, mas ainda não foi relançada.

O CEO da empresa, DJ Koh, admitiu que a empresa lançou o smartphone sem ele estar totalmente pronto. Além disso, ele admitiu que perdeu um detalhe do dispositivo dobrável, mas a empresa está trabalhando para corrigir os problemas.

Sua declaração também mencionou a situação do Galaxy Fold e, segundo ele, existem mais de 2000 peças originais que passam em um teste antes que a série seja relançada no mercado.

Infelizmente, Koh não divulgou a data em que veremos o telefone dobrável no mercado, mas estima-se que ele será lançado quase junto com a Nota 10, que será lançada em 7 de agosto em Nova York no evento Galaxy Unpacked.