Byte é o aplicativo desenvolvido pelo co-criador do Vine: ele será capaz de superar o TikTok?

Dom Hofmann, o co-criador de Videira, acaba de lançar um aplicativo que se parece muito com TikTok. Para quem não se lembra do Vine, era um aplicativo vinculado ao Twitter o que permitiu encurtar vídeo com uma duração máxima de 6 segundos. Apesar de ter um conceito interessante, a rede social lutou para despovoar e, em 2018, o projeto foi oficialmente fechado. Talvez impulsionado pelo sucesso de outros protagonistas modernos, Hofmann criou outra aplicação, a saber Byte.

A idéia básica é muito semelhante à do Vine: a criação de vídeos curtos, com duração de 6 segundos, que podem ser compartilhados diretamente na plataforma. Essa rede social já havia sido anunciada em 2018 e seu lançamento estava marcado para fim de 2019. Alguns problemas, dos quais não conhecemos a natureza, levaram o criador a adiar o lançamento.

EU’interface de usu√°rio foi redesenhado: ser√° poss√≠vel ver v√°rios v√≠deos que se seguem no feed principal, um pouco como acontece com o aplicativo de propriedade da ByteDance. No 2020 no entanto, pode ser ainda mais complexo obter sucesso com uma aplica√ß√£o desse tipo. De fato, os jovens est√£o acostumados a usar muitas redes sociais que oferecem mais ferramentas que o Byte. O aplicativo Dom Hofmann ter√° que competir com TikTok (que est√° sob investiga√ß√£o), Instagram, Snapchat √© liKee. O byte j√° est√° dispon√≠vel na Google Play Store e App Store.