Banda larga chinesa: aumento de velocidade – redução de preço

O governo chinĂȘs decidiu acelerar o desenvolvimento de sua rede de banda larga de alta velocidade, a fim de aumentar a velocidade, mas tambĂ©m reduzir o preço.

Segundo um relatĂłrio da BBC, menos de 50% da população tem acesso Ă  Internet, e muitos deles tĂȘm velocidades lentas.

Banda larga chinesa: aumento de velocidade - redução de preço

O primeiro-ministro Li Keqiang tambĂ©m pediu Ă s empresas de telecomunicaçÔes que reduzam os preços, inclusive no roaming de dados e principalmente para os turistas – mas acrescentou que cabe a eles decidir.

NĂŁo foi anunciado quais fundos serĂŁo investidos, mas o primeiro-ministro chinĂȘs anunciou uma rodada de investimentos para melhorar a infraestrutura.

Segundo um comunicado, a China tem mais usuĂĄrios de telefones mĂłveis do que qualquer outro paĂ­s, mas a velocidade do serviço de Internet estĂĄ abaixo do 80Âș lugar devido Ă  infra-estrutura de TI subdesenvolvida.

Ele acrescentou que acelerar a construção de infraestrutura aumentaria o investimento e o apoio Ă  China, alĂ©m de ajudar a “inovação em massa”.

Segundo Lee, as empresas de telecomunicaçÔes devem tomar medidas imediatas para reduzir os preços e aumentar as velocidades de banda larga nas cidades em cerca de 40%.

Embora, como mencionado acima, não tenha especificado quanto investimento serå necessårio, as autoridades no passado indicaram um montante de 322 bilhÔes para melhorar a infraestrutura de banda larga da China até 2020.

Banda larga chinesa: aumento de velocidade - redução de preçoDe acordo com o governo chinĂȘs, o paĂ­s continuarĂĄ buscando abrir o mercado de telecomunicaçÔes e incentivar o aumento da concorrĂȘncia e expandindo um esquema piloto de serviços de banda larga ao longo do ano.

Fonte: naftemporiki.gr