ATENÇÃO: Os microfones de nossos telefones celulares são abertos com software e nos monitoram

mobile Foi revelado que dois aplicativos Android, aparentemente ferramentas para limpar dispositivos móveis de arquivos desnecessários, foram projetados para prender microfones de computador, permitindo que seus usuários fossem monitorados.

Ambos, segundo a Kaspersky Lab da Rússia, foram encontrados no Google Play e podem ser instalados por usuários inocentes em dispositivos móveis.<…>

com sistema operacional Android. Os dois aplicativos gratuitos, chamados Superclean e DroidCleaner, foram descritos como limpando o telefone celular ou tablet dos arquivos deixados para trás pela maioria dos aplicativos e eventualmente ocupando parte do espaço de armazenamento do dispositivo.

Entretanto, quando o laptop foi conectado ao computador do usuário em um ambiente Windows, então – sem ele perceber – um software de rastreamento de microfone foi instalado (especialmente no caso de laptops, que geralmente possuem um microfone embutido). microfone), com a capacidade de gravar suas conversas.

A partir de então, o software ilegal criou um arquivo de áudio com a conversa gravada, que foi automaticamente enviada aos criadores dos aplicativos ilegais.

O software malicioso aproveitou os arquivos executáveis ​​do AutoRun, localizados na mídia de armazenamento (como um computador e um telefone celular ou tablet via porta USB) conectados ou inseridos em um computador e pré-selecionados no modo ativo. versões mais antigas do Windows.

Nas versões mais recentes do sistema operacional da Microsoft, esse recurso é opcional pelo usuário, ao qual muitas pessoas estão acostumadas por conveniência. Ambos os aplicativos foram retirados do Google Play – a loja de aplicativos on-line para dispositivos Android, após a revelação da Kaspersky.

Fonte: planet-greece.blogspot.com